Temporada 8 Episódio 22

  • 8.22

    Uma Vez Carrara, Carrara Até Morrer

    • Comenários 0
  • Agostinho decidiu comprar briga com a família Silva, tudo em nome de seu orgulho de ser um legítimo Carrara. Ele se sentiu ofendido com as desconfianças dos sogros, que questionaram as intenções de Fátima, irmã que o taxista nem sabia que existia, e que agora está morando na casa dele e de Bebel.

    Fátima contou uma história triste e disse que além de desempregada, só tem um rim, pois doou o outro para salvar o pai dos dois. Agostinho diz que a partir de agora vai recusar toda a ajuda dos sogros, e que prefere passar a pão e café a pedir uma trégua.

    Desconfiada, Bebel pergunta se ela já encontrou um trabalho, mas a moça desconversa e diz que não está se sentindo muito bem. Para surpresa dela, Agostinho conta que conseguiu uma vaga para ela trabalhar na pastelaria de Beiçola. Ele fala tão bem a irmã, que o pasteleiro a contrata na hora. Nenê, que está de olho na moça, pede para Beiçola ficar atento a qualquer conversa suspeita entre ela e Agostinho, pois a dona de casa acha que a tal irmã quer mesmo é se aproveitar do taxista. E Beiçola nem imagina o tamanho da confusão que vem por aí.

    Marilda também entra na onda da amiga e decide espionar Paulão para ver se descobre algo sobre Agostinho e Fátima. Só que a fofoca é tão grande, que juntando as peças, Bebel e Nenê concluem que Agostinho está guardando dinheiro para ajudar a irmã que sofre de sérios problemas de saúde. Comovida, Nenê decide ajudar a moça, sem imaginar que vai revelar quem de fato é Fátima.

Deixe seu comentário