Durante um debate na Academia da Televisão, Krista Vernoff, showrunner de A Anatomia de Grey (Grey's Anatomy), confirmou a produção de episódios sobre o coronavírus no 17º ano. Para ela, é impossível fazer uma série médica com uma trajetória tão longa e não abordar os eventos recorrentes da vida real, principalmente quando o assunto é uma pandemia mundial.

No momento, os rascunhos para os capítulos da nova temporada estão sendo escritos. Para abordar a crise, os roteiristas estão em contato com médicos norte-americanos que estão na linha de frente do combate ao coronavírus. A produtora afirmou, ainda, que a equipe de Grey's Anatomy é a primeira a conversar com esses profissionais.

(Fonte: ABC/Divulgação) ABC/Reprodução

Mais detalhes sobre a 17ª temporada de Grey's Anatomy

Até o momento, não existe uma data confirmada para o início das gravações da 17ª temporada de Grey's Anatomy, tampouco uma previsão de estreia. "Estamos conversando com os médicos para entender quais são os desafios e como podemos refletir esse combate nos novos episódios", afirmou Vernoff.

Ainda no debate, a produtora ressaltou a importância de manter o romance e a comédia característicos de Grey's Anatomy entre as histórias tristes e comoventes. Vernoff não confirmou se apenas um capítulo será relacionado ao coronavírus ou uma sequência de histórias, como foi o caso do o tiroteio no hospital e do acidente com a bomba. 

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.