As coisas na série Stargirl começaram a ficar mais agradáveis no episódio desta semana. Agora, a heroína não está mais sozinha e começa a concretizar um grupo com muito potencial: a nova Sociedade da Justiça. 

Em Stargirl 1x6, o universo se mostra cada mais vez mais consolidado, apresentando personagens cativantes e vilões que não seguem a premissa de aparecerem apenas uma vez a cada episódio, serem derrotados e desaparecem para sempre. 

Na série da DC, as coisas fluem mais lentamente, mas geram uma expectativa muito grande a cada semana. Confira o recap e entenda como Stargirl nos ganhou no episódio 1x6!

(Fonte: The CW/Divulgação) The CW/Divulgação

Mais detalhes do episódio 1x6 de Stargirl

Pat confronta Courtney assim que eles se encontram. Ele conta que percebeu que as coisas da Sociedade da Justiça foram roubadas e tenta fazê-la mudar de ideia devido ao perigo que as crianças sofrem. 

Enquanto fala, Pat menciona até mesmo o caso da morte de Joey, mas Courtney sabe que não será fácil voltar atrás e tirar os mantos heróicos de seus amigos.

A Sociedade da Justiça contemporânea, por assim dizer, entra em seu primeiro combate com Sportsmaster e Tigress, dois oponentes extremamente fortes que demonstram o quanto a equipe da Stargirl se precipitou ao achar que aquela luta seria tranquila. 

Eles confiaram muito nas suas próprias habilidades, mesmo sem treino, o que, sem dúvida, foi um erro.

(Fonte: The CW/Divulgação) The CW/Divulgação

Mesmo que os espectadores saibam disso, a série da DC acabou forçando um pouco ao mostrar os dois lados dessa luta com o mesmo nível de habilidade. Apesar disso, as cenas de ação foram realmente muito bem produzidas, mostrando que há certo potencial de luta em cada um dos novos membros da Sociedade da Justiça.

O ponto alto do episódio é o final, quando ele passa a sensação de que algo muito empolgante está para chegar futuramente. Quando Pat percebe tudo o que aconteceu, ele confronta Courtney mais uma vez, mas algo fica implícito: Pat, enquanto ex-membro da Sociedade da Justiça, pode ser a pessoa perfeita para treinar essa equipe ainda tão falha, mas cheia de potencial.

A ideia foi plantada e agora estamos ansiosos para o que Stargirl tem a nos apresentar. A cada novo episódio, a sensação de que estamos vendo super-heróis nascerem e crescerem se torna cada vez mais nítida e empolgante.

Estamos apenas na metade da primeira temporada de Stargirl. O que mais vem por aí? 

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.