A perda de um astro é sempre dolorosa, principalmente quando se trata de alguém tão importante para a história do cinema e da comunidade audiovisual como um todo. Ian Holm, o Bilbo de O Senhor dos Anéis, faleceu recentemente e deixou um legado de filmes bem sucedidos que vão marcar o seu nome para sempre. Além de The Lord of the Rings, Holm atuou também em O HobbitAlien e muito mais.

O anúncio da sua morte, aos 88 anos, foi emitido pelo seu agente na manhã desta sexta-feira (19). A causa do falecimento tem relação com a doença de Parkinson, mas o agente fez questão de ressaltar que, mesmo nesse momento triste, Ian Holm estava cercado de pessoas que o amavam e que, com certeza, vão sentir falta de sua presença cotidiana.

(Fonte: Standard/Reprodução) Standard/Reprodução

Vida e carreira de Ian Holm

Atuando desde cedo, Holm começou a mostrar seu talento aos poucos através de pequenas participações na TV, mas foi o filme Alien que começou a chamar a atenção para o seu trabalho.

Após isso, Holm apareceu como Sam Mussabini em Chariots of Fire e foi indicado ao BAFTA e ao Oscar, saindo vencedor na primeira premiação. Após isso, o nome de Ian Holm se tornou sinônimo de talento e sucesso ao redor do mundo todo, mas foi com a trilogia de O Senhor dos Anéis que ele conquistou ainda mais fãs, quando viveu o personagem Bilbo Bolseiro.

Em tudo o que se propôs, Ian Holm conseguiu entregar excelência, sendo um grande exemplo para muitos jovens da nossa geração.

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.