Os fãs de uma franquia gostam sempre de manter contato com os nomes da produção, mesmo que ela tenha sido encerrada há muito tempo. A melhor alternativa, na era da tecnologia, é continuar próximo através das redes sociais, mas há sempre o perigo de ver um ídolo expressar algumas falas que não agradam e vão contra tudo o que se esperava deles. É o caso de muitos fãs da saga Harry Potter e a escritora dos livros, J.K. Rowling.

No Twitter, a presença da autora já começou a ser temida pelos fãs devido a um histórico que ela possui de realizar alguns comentários preconceituosos, principalmente direcionados às mulheres transsexuais. O debate movimenta toda a comunidade da rede social, levantando diversos pontos de vistas. Recentemente, o ator Daniel Radcliffe, que interpretou Harry Potter ao longo dos sete filmes, rebateu o comentário de J.K. Rowling.

(Fonte: Daily Beast/Reprodução) Daily Beast/Reprodução

Mais detalhes da fala de Radcliffe

“Mulheres trans são mulheres. Qualquer declaração contrária apaga a identidade e a dignidade de pessoas transgêneros e vai contra todos os conselhos dados por associações de saúde”, escreveu o ator.

O posicionamento de Daniel Radcliffe foi publicado no site Trevor Project, associado a uma organização do segmento LGBT+, exatamente o público que mais é afetado pelas falas de Rowling.

Radcliffe também reforça que a sua fala não deve ser vista como uma briga entre ele e a escritora. Seu intuito principal é alertar para o perigo de declarações tão fortes como as feitas por J.K. Rowling, que possui um alcance mundial e pode afetar ainda mais a vida de pessoas que já vivem em uma situação de vulnerabilidade psicológica.

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.