Durante uma live do festival de TV virtual ATX, realizada no último domingo (7), Marta Kauffman, cocriadora da inesquecível série Friends, e também da atual Grace and Frankie, se emocionou quando lhe perguntaram o que ela gostaria de saber quando ainda estava no início da sua carreira.

Ela imediatamente refletiu sobre uma crítica muito recorrente sobre Friends e falou sobre a falta de diversidade entre os personagens. Emocionada, reconheceu: "Gostaria de saber o que sei hoje. Desculpem, eu só queria saber o que sei agora. Eu teria tomado decisões muito diferentes."

E explicou: "O que eu quero dizer é que sempre incentivamos a diversidade em nossa empresa, mas eu não fiz o bastante. E agora tudo o que consigo pensar a respeito é: o que posso fazer? O que eu posso fazer diferente? Como posso conduzir meu programa de uma nova maneira?  E isso é uma coisa que eu não apenas gostaria de saber quando comecei a criar, mas gostaria de ter sabido até o ano passado."

Elenco de Friends também falou sobre diversidade

Fonte: HBO Max NBC/Reprodução

No começo deste ano, David Schwimmer, que interpreta Ross, disse ao jornal inglês The Guardian que ele sempre defendeu a ideia de que seu personagem pudesse namorar garotas negras como uma forma de compensar a "brancura" do elenco principal.

O ator afirmou: "estou totalmente consciente do meu privilégio pessoal como um homem branco hétero cujos pais puderam pagar uma educação particular". Por isso,  ele reconhece: "Sempre senti um senso de responsabilidade em retribuir e denunciar abusos de poder que eu testemunhe."

Lisa Kudrow, a sempre "de boas" Phoebe Buffay, também falou ao jornal The Sunday Times sobre a questão da diversidade. Se a série fosse nos dias de hoje, afirmou a atriz, "seria completamente diferente. Não seria um elenco todo branco, com certeza".  

As dez temporadas da amada série Friends estão disponíveis na HBO Max (por enquanto, apenas nos Estados Unidos), e na Netflix

Texto escrito por Jorge Marin via Nexperts.