Parece que a tendência da 7° temporada de The 100 é desgraçar a cabeça dos personagens e dos espectadores continuamente, um episódio atrás do outro, com cada vez mais coisas dando errado. Em The 100 7x3, “False Gods”, não foi diferente. Enquanto esperávamos que o ponto central da narrativa fosse ser a questão do vazamento tóxico, muita coisa ainda estava por vir.

Raven e Emori tentam resolver o vazamento, mesmo sendo a função de James, e ficam cada vez mais desesperadas conforme a temperatura sobe descontroladamente. Se as coisas fugirem de controle, elas sabem que Sanctum corre perigo. 

Desde a 6ª temporada de The 100, a produção sabe bem como fazer seu público ficar nervoso e esse episódio é a prova perfeita disso. Confira no recap o que mais aconteceu!

(Fonte: The CW/Divulgação) The CW

Mais detalhes de The 100 7x3, novo episódio da 7ª temporada

Mesmo em meio ao desespero, Raven tem um plano, mas precisa de ajuda para executá-lo. As pessoas precisariam se expor a uma certa quantidade de radiação, levando-as a pensar nos prisioneiros do Eligius III.

É preciso inventar uma mentira para que eles colaborem e Raven afirma com convicção que não há qualquer traço de radiação no ambiente. No entanto, acabamos descobrindo que os níveis estão ainda mais altos do que o esperado, o que pode proporcionar a morte ainda mais rápida dos ajudantes - o que, de fato, acontece com Hatch, que não consegue sair a tempo.

Agora, o foco principal do episódio 7x3: Clarke e Russell. Russell vai ser executado e escolheu ser queimado. Seu povo não aceitou isso muito bem e começou a planejar um método para livrá-lo daquele sofrimento, fazendo com que uma revolta seja cada vez mais provável. A saída encontrada é fazer com que o próprio Russell fale com eles e amenize o sentimento de ódio.

Clarke faz questão de dizer que, caso ele fale alguma coisa diferente do combinado, Indra estará pronta para atirar em sua cabeça. O mais estranho é quando Russell está discursando, falando sobre paz, mas, mesmo assim, recebe um tiro da multidão.

“Você estava certo a respeito de Jordan. Ele fez exatamente o que você previu”, Sheidheda sussurra para Russell enquanto ele está recebendo cuidados.

No entanto, como Indra explica para Clarke, não é possível simplesmente executar Russell naquele momento porque o povo teria um mártir e isso faria o Sanctum implodir completamente.

Como eles poderão proceder? Como Jordan vai seguir em meio a esse caos inteiro? Russell vai precisar ficar vivo por muito mais tempo para manter a paz?

Após a estreia da 7ª temporada de The 100, estamos cada vez mais tensos e cheios de perguntas!

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.