Aisha Hinds e Oliver Stark, ambos atores do elenco de 9-1-1, usaram seus perfis no Twitter para chamar a atenção do colega Ryan Guzman e sua esposa por usarem o que os americanos chamam de “The N Word”, ou “A Palavra com N”. A palavra é extremamente controversa nos Estados Unidos e seu uso por pessoas que não são negras é considerado um ato racista e desrespeitoso.

Após a denúncia de Hinds e Stark, Guzman fez uma live no Instagram na qual afirmou ter diversos amigos de diferentes etnias que costumam fazer brincadeiras relacionadas à raça. Porém, a repercussão da live foi extremamente negativa e o ator fez um novo vídeo pedindo desculpas.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

My purpose is to continue to help/support my black brothers and sisters in this time of need. All love.

Uma publicação compartilhada por Ryan Guzman (@ryanaguzman) em

A denúncia do elenco de 9-1-1 sobre Ryan Guzman

No Twitter, Aisha Hinds disse que se sente em um estado eterno de luto quando se depara com não-negros se apropriando da palavra que tem diferentes conotações. Já seu colega, Oliver Stark, postou que não existe desculpa alguma para o uso indevido da “palavra com N”. “A palavra pertence à comunidade negra e eu não concordo com o seu uso feito por pessoas de fora”, escreveu.

Em seu pedido de desculpas publicado no Instagram, Ryan Guzman afirmou ter se acalmado após a denúncia. Segundo ele, teve tempo para refletir e perceber que suas ações foram injustificáveis. Na legenda, acrescentou: “tentar, falhar, aprender e crescer”.

A denúncia veio em meio à onda de protestos contra a violência policial nos Estados Unidos. Desde então, Guzman incluiu o site do movimento #BlackLivesMatter em sua biografia no Instagram para apoiar a causa. 

Texto escrito por Flávio Motta Coutinho via Nexperts.