Nessa sexta-feira (8), pela NBC, foi ao ar o 150º episódio de The Blacklist. E há de se comemorar, já que muitas séries não conseguem chegar nem perto dessa marca. A atração, que acumula diversas histórias, reviravoltas, segredos e diversos dilemas morais e éticos, apresenta Red Reddington (James Spader) em suas aventuras (e desventuras) pelo mundo do crime.

O episódio intitulado "Roy Cain" (nº 150) teve até mesmo uma festinha de comemoração nos bastidores, quando a pandemia do coronavírus ainda não havia afetado as produções de diversas séries.

(NBC/Reprodução) NBC/Reprodução

Nessa mesma ocasião, elenco e equipe ainda puderam comemorar a renovação para a 8ª temporada. Em entrevista ao TV Guide, James Spader e Megan Boone, além do criador Jon Bokenk, revelaram diversas coisas curiosas ao longo dos 150 episódios.

Spader, na entrevista, se descreveu como "cansado, mas animado" por fazer todos aqueles episódios. "Eu costumava ficar muito impressionado com tudo isso, e ainda agora, um pouco antes da temporada, parece que estou me preparando para uma grande corrida de longa duração", disse o ator de 60 anos. 

Ele descobriu que, quando não está conversando com os roteiristas sobre planos de longo prazo, já que também atua como produtor executivo, consegue se concentrar na atuação para os episódios. 

Já durante as sete primeiras temporadas da série, a vida de Boone se entrelaçou com a de sua personagem Elizabeth Keen. Com a agente do FBI, Boone comemora estar no elenco regular de uma série bem famosa. 

(NBC/Reprodução) NBC/Reprodução

“Entrar em cena com um ator tão experiente trouxe benefícios incríveis para o meu trabalho e para minha experiência de vida", afirmou a atriz empolgada. 

“E acho que para o público havia a pergunta: 'quem é essa garota?' Isso funcionou muito bem para a história. Mas para mim, esse era um lugar desafiador para se estar. Eu realmente senti que tinha que me provar”, relatou ao TV Guide.

O criador Jon Bokenk lembrou-se de estar desesperado para passar pelo piloto. “Quando você faz um filme, você faz o filme, depois vai para a estreia e todo mundo dá um tapa nas suas costas”, disse ele. “Quando o piloto terminou, eu fiquei tipo, 'oh meu Deus, temos que fazer outro desses na próxima semana e depois outro e outro.”

Entretanto, Spader disse que achou que a série foi renovada relativamente cedo, porque os roteiristas precisavam planejar a 8ª temporada para descobrir exatamente como terminar a que estava em exibição. 

Com as medidas de prevenção à Covid-19, a temporada precisou ser encurtada. Entretanto, certamente muita coisa ainda está por vir. Até lá, você pode saber como foi o episódio 150 da série bem aqui!

Texto escrito por Matheus Rocha da Silva via Nexperts.