A série Vikings, do History Channel, fez bastante sucesso ao longo de suas atuais seis temporadas. E os fãs não poderiam ficar mais animados com as novidades em torno do universo criado por Michael Hirst, já que o spin-off Vikings: Valhalla vai estrear em algum momento na Netflix.

Muitas coisas ainda estão sendo mantidas em sigilo sobre a nova atração, mas já sabemos que as situações e personagens serão completamente diferentes do material original. Valhalla vai apostar na criação de novos conflitos envolvendo uma gama de personagens inéditos fazendo parte do mesmo universo.

(History Channel/Reprodução)History Channel/Reprodução

Provavelmente, a série não vai estrear no próximo ano. Embora tivesse sido noticiado que a produção se iniciaria neste ano, com a pandemia do coronavírus, muitas coisas tiveram de ser mudadas. Sendo assim, ainda não há nenhuma data oficial para a retomada dos trabalhos e tampouco da estreia.

Além disso, a nova série vai apostar em um salto temporal. Valhalla vai se passar 100 anos depois dos eventos apresentados na série original. Muito provavelmente, o roteiro irá explorar, de alguma forma, o final da era dos vikings. Tudo isso pode ser corroborado devido ao título que recebeu. Valhalla era o nome de um lugar místico no qual os vikings acreditavam que iriam após morrerem.

Os roteiros, no entanto, não serão escritos pelo criador Michael Hirst. A série já está sendo desenvolvida (em roteiro e produção) por Jeb Stuart, que também esteve por trás da franquia Duro de Matar. Entretanto, Hirst continua envolvido no projeto da série, mesmo que não seja creditado como roteirista.

(History Channel/Reprodução) History Channel/Reprodução

Alguns outros detalhes do spin-off

Muito provavelmente, Valhalla vai contar com personagens reais que marcaram a história. Como é o caso do notável Leif Erikson, o primeiro europeu, oriundo da Noruega, que viajou para a América do Norte. 

Além dele, Freydis, irmã de Leif, que foi uma guerreira destemida e ambiciosa e Harald Harada, um rei da Noruega que tentou, sem sucesso, reivindicar os tronos dinamarquês e inglês, também poderão ter versões ficcionais retratadas logo na primeira temporada.

Essa informação, certamente, não vai causar tanto espanto para os fãs de Vikings. Quem acompanha a série, provavelmente, já conheceu um dos ancestrais de Leif e Freyds. Os verdadeiros foram filhos de Érico, o Vermelho, que foi apresentado como um personagem durante a 6ª temporada. Entretanto, Valhalla irá apresentar os dois como apenas descendentes do viking devido ao recorte temporal que está sendo feito.

(History Channel/Reprodução) History Channel/Reprodução

Outra figura histórica importante que irá ser uma das figuras centrais da nova série é William, o Conquistador. Ele foi o primeiro rei normando da Inglaterra e governou de 1066 até sua morte em 1087. 

Um fato curioso é que a atriz Katheryn Winnick, que afirmou não aparecer no spin-off como uma personagem, gostaria de se aventurar pelos bastidores. Será que a veremos como uma das diretoras de algum episódio da nova série? 

Enquanto Winnick está fora da produção, por enquanto, o protagonista Alexander Ludwig não descartou a possibilidade de retornar ao mundo dos vikings.

Mesmo com tantas novidades, Valhalla vai manter os principais elementos da série original. Por si só, esse já é um bom motivo para dar uma chance à atração. Por isso, é bom ficar de olho!

Atualmente, as seis temporadas de Vikings podem ser conferidas pela Netflix.

Texto escrito por Matheus Rocha da Silva via Nexperts.