Altered Carbon: Nova Capa entrou para o catálogo da Netflix nesta quinta-feira (19). O anime spin-off da série live-action traz novamente Takeshi Kovacs (Ray Chase) como protagonista, porém, em um novo corpo. 

Ambientado no planeta Latimer, a trama o acompanha após ele ser contratado para proteger uma garota tatuadora, ao mesmo tempo em que conduz uma investigação sobre a morte do chefe da Yakuza.

O grande destaque da produção fica por conta dos grandes efeitos visuais, em uma animação em CGI, com paisagens cyberpunk iluminadas por neon e hologramas. Tal característica também valorizou as ótimas cenas de ação, com muitos momentos violentos em ritmo frenético ao longo de seus 75 minutos de duração.

Produção conta com ótimos efeitos visuais nas paisagens urbanas IMDb/Reprodução
Produção conta com ótimos efeitos visuais nas paisagens urbanas

Vale apontar as extraordinárias sequências de luta de Kovacs contra membros da Yakuza e “ninjas tecnológicos”, capazes de trazer cenas cativantes. Contudo, ao destacar a parte visual da produção, faltou um espaço maior para o melhor desenvolvimento de personagens, especialmente os introduzidos apenas nessa nova história.

O relacionamento do protagonista com a tatuadora Holly tenta recriar a mesma dinâmica de filmes como Logan e jogos como The Last of Us. Porém, ao contrário destes, que valorizam a construção de laços, o anime não conseguiu trazer essa característica, o que gerou pouco impacto em sua narrativa.

Os ninjas, um dos adversários de Kovacs IGN/Reprodução 
Os ninjas, um dos adversários de Kovacs

Para os fãs de Altered Carbon, é possível visualizar alguns easter eggs desse universo no spin-off. Dentre eles, a dublagem de Chris Conner, responsável pela voz de Poe na versão live-action. Aqui, ele interpreta tanto o narrador da história quanto uma inteligência artificial de um hotel, que ainda fornece alguns momentos cômicos para a atração.

Outro caso é o trabalho da dublagem de Chase. Ele consegue trazer a interpretação de Joel Kinnaman na 1ª temporada, com traços de seu personagem mais rígido e sombrio, misturada com a versão de Anthony Mackie na 2ª temporada, com elementos de charme e arrogância.

Altered Carbon: Nova Capa foi adaptado em anime por Dai Sato (Cowboy Bebop, Ghost in the Shell), que assinou o roteiro em conjunto com Tsukasa Kondo (HodoBuzz) e contou com arte gráfica de Yasuo Ohtagaki (Mobile Suit Gundam Thunderbolt).

Texto escrito por Ricardo de Carvalho Isídio via Nexperts.