Jon Bernthal, o Frank Castle da série O Justiceiro, da Netflix, foi escalado para protagonizar e produzir o piloto da série remake de American Gigolo. O novo projeto é uma parceria de David Hollander (Ray Donovan), com a Paramount TV Studios e a Jerry Bruckheimer Television.

(Fonte: Matt Baron/Shutterstock/Reprodução)
(Fonte: Matt Baron/Shutterstock/Reprodução)

Em 2014, a Paramount TV Studios e a Jerry Bruckheimer Television já haviam iniciado o projeto de adaptar o clássico filme de 1980 estrelado por Richard Gere e Lauren Hutton, para a TV. Em 2016 a Showtime havia escalado Neil LaBute (Van Helsing) como escritor. Desde então, a série vem passando por diversas mudanças.

American Gigolo terá produção executiva de Jerry Bruckheimer ao lado da dupla de produtores de Lucifer, Jonathan Littman e KristieAnne Reed. Hollander será o diretor.

Bernthal interpretará Julian Kaye — o mesmo personagem de Gere no filme — que começará a trama 18 anos após ser preso sob a acusação de assassinato. Julian busca encontrar seu lugar na indústria sexual de Los Angeles enquanto tenta retomar seu relacionamento com Michelle, seu antigo amor.

Gary Levine, o Presidente de Entretenimento da Showtime Networks, falou sobre o novo projeto da empresa. “American Gigolo vem com todo o barulho que você esperaria, mas também oferece um mergulho profundo nas águas complicadas dos relacionamentos e da sexualidade em 2020. Reunimos uma equipe 'A' para adaptar este filme icônico a uma série da Showtime com o talento e o magnetismo de Jon Bernthal, execução de David Hollander, o lendário Jerry Bruckheimer e nosso novo estúdio irmão, Paramount”.

Texto escrito por Marcelo de Morais via Nexperts.