Na última quinta-feira (19) aconteceu a estréia mundial do nono e último filme da saga de Star Wars. Intitulado A Ascensão Skywalker, a produção cinematográfica conquistou em sua primeira noite de exibição um valor equivalente a US$ 40 milhões, pouco mais de R$ 160 milhões, sendo a quinta maior bilheteria já conquistada em toda a história do cinema.

Apesar de estar atrás dos filmes de sua franquia como Star Wars: O Despertar da Força, que atingiu um número correspondente a US$ 57 milhões, e Star Wars: Os Últimos Jedi, com US$ 45 milhões; o nono episódio já supera a bilheteria de Vingadores: Guerra Infinita, que faturou US$ 2 bilhões em toda a sua exibição.

Star Wars alcança US$ 40 milhões em sua noite de estréia
The Rise of Skywalker ganha 40 milhões de dólares na noite de abertura. (Fonte: BGR/Reprodução)

Expectativas de Sucesso

Os dados monetários sobre o rendimento de A Ascensão de Skywalker levantam alguns questionamentos à Disney, empresa que atualmente é responsável por realizar as produções cinematográficas da Lucasfilm. Em função da queda e, consequente, fracasso o qual foi o último filme, Solo: Uma História de Star Wars; há um certo receio de como os fãs e os críticos irão ver e se posicionar em relação ao último episódio.

Ainda que a saga Skywalker tenha sido produzida com o propósito de ser um evento de mudança, mundialmente falando, há certa desconfiança por parte dos fãs em relação a possibilidade de ser realmente o fim dessa era. 

Este texto foi escrito por Flávio Motta Coutinho via nexperts.