Atenção! Este texto contém spoilers do episódio 15x05 de Supernatural.

O que parecia um simples caso contra lobisomens acabou se tornando algo muito maior em “Provérbios 17:3”, 5º episódio da última temporada de Supernatural.

Quando três amigas são atacadas em um acampamento no Colorado, os irmãos partem para a caçada. Na viagem, Sam tem mais um pesadelo: ele está com um terno branco, possuído por Lúcifer, como na 5ª temporada da série. Dean aparece, pede perdão e atira com o Colt, mas Sam/Lúcifer não morre e ainda queima Dean vivo.

Os irmãos chegam ao local da investigação, brincam com as identidades falsas e partem para o procedimento de costume. Quando descobrem que uma das vítimas sobreviveu, Dean conta à garota que ela foi atacada por um lobisomem e promete protegê-la. Após ela revelar a identidade do agressor, os Winchester vão até a casa dele, mas acabam encontrando dois irmãos. Apesar de terem certeza da culpa da dupla, Dean propõe vigiarem as criaturas, enquanto Sam desconfia da facilidade do caso.

Ashley, a sobrevivente do ataque, recebe alta no hospital, e nossos queridos heróis a levam para um hotel. Ashley pede a companhia de Dean, e eles acabam tendo uma conversa bastante reflexiva. Sam, que havia saído para comprar comida, volta e encontra Dean adormecido. Após acordá-lo, percebem que a garota desapareceu . Os heróis partem desesperados em direção à casa dos lobisomens e a salvam. Logo após, travam uma luta contra os monstros, que acaba com uma das criaturas matando a outra e, após um discurso sobre o “irmão maligno”, também se mata.

Supernatural: grande vilã retorna em episódio 15x05 (Spoilers)
(Fonte: The CW/Reprodução)

Lilith está de volta

Quando o caso parece resolvido, ocorre uma grande revelação do episódio: Ashley, na verdade, estava possuída por Lilith, morta por Sam na 4ª temporada. Ela diz que foi “revivida” por Chuck/Deus, com a missão de recuperar o Equalizador, arma que poderia matá-lo. Quando os irmãos se recusam, ela os ataca. Sam desmaia e acaba tendo outro pesadelo. Agora, Dean aparece novamente possuído pela marca de Caim, com os olhos pretos, e mata seu irmão.

Dean finge que seguirá as ordens de Lilith e diz que vai levá-la até onde, supostamente, estaria a arma. Durante o trajeto, os dois têm uma conversa sobre Chuck. Lilith revela que já ouviu as histórias do “escritor” e que sempre acabam do mesmo jeito: com um irmão matando o outro. De volta ao hotel e com Sam já fora de perigo, Dean resolve enrolar o demônio, dizendo que não estavam com a poderosa arma. 

Lilith começa a torturar Dean, mas logo o personagem de Jared Padalecki chega e atira nela com uma bala com armadilha de demônio. Funciona, mas apenas por alguns minutos, pois quando ela deduz que a arma estaria no Impala, ela a encontra e a derrete. Lilith poupa os filhos de Mary e John Winchester, mas só porque Chuck tem planos para eles.

Supernatural: grande vilã retorna em episódio 15x05 (Spoilers)
(Fonte: The CW/Reprodução)

Os caçadores retornam ao bunker e, após o personagem de Jensen Ackles revelar o que Lilith havia dito sobre os finais de Chuck, Sam conta sobre seus pesadelos. Ele conclui que seus sonhos podem ser visões desses finais escritos pelo vilão, já que ambos foram atingidos pelo Equalizador e isso pode ter criado uma conexão.

Sam fica otimista, mas Dean diz no fim do episódio: “É Deus, Sam. E ele está vindo até nós. Como diabos devemos lutar contra Deus?”.

No Brasil, a 15ª temporada de Supernatural é exibida pela Warner Channel toda terça-feira às 21h40.

Por Luís Costa via nexperts.