Quem nunca teve um crush em uma pessoa em uma posição hierárquica mais elevada ou admirada profissionalmente? A Helm, de Grey's Anatomy, certamente sim.

A personagem de Jaicy Elliot, a Dra. Taryn Helm, já deixou bem claro que "carrega um bonde" pela protagonista da série, Meredith Grey, mas boa parte disso é pura admiração. Em entrevista ao site norte-americano Entertainment Weekly, Elliot disse que Helm entra nessa nova temporada muito mais confiante, mais preparada e menos deslumbrada com o fato de trabalhar com uma das mais talentosas médicas do mundo.

​(Fonte: ABC/Divulgação)

Aos poucos, parece que o crush vai diminuir e dar espaço a um reconhecimento do quão incrível e competente Meredith é, seguindo uma noção maior de que ela também pode ser tão bem-sucedida se seguir os passos da mentora.

Identificando-se com a personagem, que é residente, já que está também em sua primeira série de TV, a atriz diz que um dos aspectos mais importantes de Grey's Anatomy é a inclusão — de mulheres, principalmente, finalmente ocupando posições de poder, mas também de mulheres diferentes.

"É meio que tudo misturado. Esse crush é sobre admiração, mas eu penso que ao mesmo tempo é só um crush. Nós estamos experimentando fluidez de gênero nos relacionamentos. Eu acho que isso reflete bem essa situação específica, porque nós não sabemos se ela está apaixonada, mas será que isso importa?".

​(Fonte: ABC/Divulgação)

Uma vez que Meredith é heterossexual e está emocionalmente envolvida com DeLuca, é provável que ela nem perceba que a residente está se sentindo atraída por ela, então Elliot não acredita que isso poderá gerar alguma cena ou desdobramento na 16ª temporada de Grey's Anatomy.

Para a atriz, um bom desenrolar desse crush seria Helm aprender muito com Meredith, que assumiria o papel real de mentora, criando a "próxima Dra. Grey". Para ela, a personagem tem, sim, o potencial para se tornar uma grande estrela da medicina no universo do drama médico.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.