O diretor que levou a estatueta (de roteiro) do Oscar 2019 pela comédia Green Book, Peter Farrelly, assinou com a Quibi — a mais nova plataforma de streaming para celulares — para a criação de uma série abordando a temática suicídio, chamada The Now.

Farrelly vai dirigir e roteirizar a produção, ao lado de Pete Jones e Steve Leff. Steve Golin e Jeff Okin atuarão como produtores executivos.

A empresa de Golin, a Anonymous Content, também é a produtora de 13 Reasons Why, que traz a mesma temática. The Now, no entanto, deve se centrar em um personagem masculino e nos fatos que levam a essa decisão antes que ele tire a sua própria vida.

Peter Farelly (Fonte: Reprodução/IMDb)

Um homem que está prestes a cometer suicídio descobre, por meio de sua mãe, que seu irmão acabou de cometer suicídio e seu pai também havia feito o mesmo no passado. Sem entender de onde vem esse ímpeto, ele decide não fazer isso por enquanto e aprender a conviver consigo mesmo e encarar a realidade, para não destruir completamente a vida da mãe.

Diferente da maior parte dos projetos de Farrelly — que ficou conhecido por comédias como Debi & Lóide e Quem vai ficar com Mary? —, o seriado não é o único no qual o cineasta trabalha atualmente. Em paralelo, ele também se concentra em um filme da Skydance baseado no livro "The Greatest Beer Run Ever: A True Story of Friendship Stronger Than War" ("A maior corrida de cerveja de todos os tempos: uma verdadeira história de amizade mais forte que a guerra", em tradução livre).

Bobby Farrelly, Jeff Daniels, Peter Farrelly e Jim Carrey no set de Debi & Lóide. (Fonte: Reprodução/ IMDb)

The Now chegará para incrementar o catálogo da plataforma Quibi, que vem investindo em projetos de alguns nomes de destaque em Hollywood. Além de Farrelly, o site já confirmou uma série de ação com Liam Hemsworth, um novo terror de Steven Spielberg que só poderá ser visto à noite, uma série estrelada e com produção executiva de Anna Kendrick, Dummy, e uma ficção científica dramática chamada Don’t Look Deeper, com Don Cheadle, Emily Mortimer e Helena Howard, entre outros tantos projetos. A Quibi deve ser lançada nos Estados Unidos em 2020.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.