Atenção! O texto a seguir relata os acontecimentos do episódio 6x06 de Agents of S.H.I.E.L.D..

Atarah aprisiona Fitz e Simmons para que os dois trabalhem juntos e criem uma tecnologia capaz de fazê-los viajar no tempo. A Chronicom que teve seu planeta destruído pretende voltar ao passado para salvar sua civilização.

Fitz e Simmons acordam e Atarah conta seu plano a eles, explicando que a prisão em que os dois se encontram é capaz de acessar e materializar qualquer memória que eles tenham. Não dando atenção à gravidade da situação, Fitz e Simmons curtem alguns momentos e contam histórias do tempo que ficaram longe um do outro; ele a pede em casamento e ela aceita na hora. Ele insiste que ela conte sobre a sua aventura no futuro, mas ela se nega e acaba se transformando em uma criança de 7 anos de idade. Nesse momento, os dois percebem que a prisão não é real, e sim para a mente deles.

Enquanto Fitz tenta lidar com as birras de Simmons criança, Enoch alerta Atarah sobre os riscos de mantê-los presos dessa maneira, mas a Chronicom ignora o aviso e o intimida.

Fitz, cansado de lidar com a criança, ameaça trazer Aida para o local onde estão. Simmons imediatamente volta a ser adulta e acaba trazendo involuntariamente uma memória que ela não queria: Mack aparece e chama Simmons para se despedir de Fitz, morto na missão ligada à viagem no tempo. Na lembrança, Fitz acaba recebendo algumas informações sobre o futuro de seu "outro eu". Além da própria morte, Fitz fica sabendo da morte de Coulson e sobre ele também ter pedido Simmons em casamento no futuro.

Agents of SHIELD: perigos da mente de Fitz-Simmons no episódio 6x06 (recap)

Os dois se reencontram em uma próxima memória, na qual Fitz e Simmons estão revivendo suas experiências na faculdade. Após algumas conversas, como a mente dos dois está compartilhando a prisão, Simmons sente que Leopold, a versão da "Hydra" de Fitz, está chegando. Os dois saem do quarto e logo são recebidos, com muitos tiros, por Leopold. Os dois se refugiam novamente no quarto de Simmons, mas ela se sente ameaçada pela presença de Leopold e acaba tendo um pequeno surto, liberando os medos que mantinha "trancados" em sua caixinha de música. Uma versão maligna de Simmons, digna de um filme de terror, acaba atacando Fitz.

Eles fogem do local e acabam acessando uma lembrança do momento em que foram convocados para fazer parte do time de Coulson. Fitz é novamente atacado pela versão "Samara" de Simmons e os dois acabam se separando na fuga, porém ela é capturada por Leopold, que ameaça apagar a sua memória, enquanto Fitz é torturado pelo monstro dela.

Como ambos estão sofrendo, sua mente corre riscos e eles podem sofrer uma morte cerebral. Enoch alerta novamente Atarah sobre a situação, mas ela se nega a retirá-los da prisão.

Fitz e Simmons continuam sofrendo, mas, como compartilham a memória, lembram que nunca estiveram sozinhos. Tremor e Mack aparecem para ajudá-los. Os dois se libertam e, após uma pequena discussão, conseguem se livrar de seus pesadelos.

Atarah aparece na prisão, mas eles se negam a fazer o que ela quer. Enoch ataca Atarah, nocauteando-a e libertando Fitz e Simmons. Os três se teletransportam para fora da nave, mas não antes de Simmons revelar a Fitz que ele é avô.

No fim, Mack revela para Daisy que a ameaça que destruiu o planeta dos Chronicom agora está presente na Terra.

Este texto foi escrito por Marcelo Omega via nexperts.