O mês de junho é historicamente conhecido no mundo inteiro como o Mês do Orgulho LGBT. O período tem o intuito de celebrar a diversidade e promover a igualdade, o respeito e a aceitação para a comunidade. Em resposta a isso, três homens em Boston, nos Estados Unidos, tiveram a ideia de promover a "Parada do Orgulho Hétero".

Chris Evans, o Capitão América, ficou extremamente irritado com o tom homofóbico da iniciativa e, na última quarta-feira (05), usou o Twitter para dar uma bela aula sobre como as pessoas deveriam deixar de reprimir seus sentimentos e cultivar compaixão e compreensão.

Chris Evans critica iniciativa de criar "Parada do Orgulho Hétero"

"Uau! Iniciativa legal, caras!!! Só uma ideia, ao invés de parada do 'Orgulho Hétero', que tal isso: A parada do 'Desesperadamente tentando enterrar nossos próprios pensamentos gays sendo homofóbicos porque ninguém nos ensinou a acessar nossas emoções quando crianças'? O que vocês acham?", Evans questionou na rede social.


O ator continuou com as críticas, compartilhando um texto do escritor James Fell, que também condenou tal evento. Na postagem, Evans demonstrou estar decepcionado com a quantidade crescente de paradas que buscam celebrar a heterossexualidade e explicou que aqueles que não entenderam a diferença entre uma e outra precisam buscar empatia, pois se trata apenas do medo do desconhecido: "medo daquilo que você não entende".


De acordo com o The Washington Post, a "parada hétero" foi agendada para o fim de agosto por Mark Sahady e outros dois homens e deve caçoar das "políticas de identidade" da esquerda política. "Para eles, tudo é baseado na identidade, e se alguém é ou não categorizado como vítima ou opressor", explicou Sahady no Facebook, de acordo com o relatório do jornal. "Se você tiver o status de vítima, então você tem o direito de celebrar a si mesmo e esperar que aqueles com status de opressor se submetam aos seus sentimentos", continuou o idealizador do evento.

Os direitos LGBT são pessoais para Evans, já que seu irmão mais novo, o também ator Scott Evans, é gay. No passado, o ator de Vingadores disse que crescer com um irmão gay e duas irmãs o ajudou a "cultivar compaixão e compreensão".

Boston celebra anualmente a Semana do Orgulho LGBT e neste sábado (08) realizará a 49ª Parada do Orgulho LGBT com o tema Olhando para Trás, Amando para a Frente, para destacar o 50º aniversário do massacre de Stonewall, um importante catalisador do movimento LGBT.

Veja também: Artista imagina como seriam Os Vingadores nos anos 90

Este texto foi escrito por Amarilia Virginia Ferreira via nexperts.