Se houve algo que aconteceu com frequência em Game of Thrones, foram mortes! Grande parte dos personagens da série tiveram coisas importantes para dizer antes de morrer; mudaram destinos, nos atingiram como um tapa na cara ou foram extremamente irônicas. Então, vamos conferir as “últimas palavras” mais marcantes ditas durante as temporadas de Game of Thrones.

  • 1. Olenna Tyrell

(7ª temporada, 3º episódio – “The Justice Queen”)

“Eu odiaria morrer como seu filho, arranhando meu pescoço, espuma, bílis derramando da minha boca, olhos vermelhos como sangue, pele roxa. Deve ter sido horrível para você, como Guarda Real, como pai. Foi horrível o suficiente para mim. Uma cena chocante. Nada do que eu pretendia. Veja só, eu nunca vi veneno funcionar antes. Diga a Cersei. Quero que ela saiba que fui eu.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Olenna manda um recado por Jaime, confessando que foi a responsável pela morte de Joffrey e que quer que Cersei saiba que foi ela.

  • 2. Ygritte

(4ª temporada, 9º episódio – “The Watchers on the Wall”)

“Você não sabe de nada, Jon Snow.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Após hesitar em matar Jon, ela leva uma flechada pelas costas e é abraçada.

  • 3. Hodor

(6ª temporada, 5º episódio – “The Door”)

“HODOR!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Hodor morre repetindo a frase que disse a vida inteira, segurando a porta para Meera e Bran.

  • 4. Melisandre

(8ª temporada, 3º episódio – “The Long Night”)

“O que você diria para o Deus da Morte?”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Após a batalha contra o Rei da Noite, Melisandre retira a gargantilha que garante sua juventude, caminha para o campo, envelhece e se desfaz.

  • 5. Stannis Baratheon

(5ª temporada – 10º episódio – “Monster’s Mercy”)

“Vamos logo, cumpra o seu dever.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Stannis confessa para Brienne que matou o irmão e acaba decapitado por ela.

  • 6. Oberyn Martell

(4ª temporada – 8º episódio – “The Mountain and The Viper”)

“Espera. Você está morrendo? Não, não, não. Você não pode morrer. Você não confessou. Diga o nome dela. Elia Martell. Você a estuprou. Você matou o filho dela. Elia Martell. Quem te mandou? Quem te mandou?! Diga o nome dela! Você a estuprou! Você a matou! Matou o filho dela. Diga. Diga o nome dela. Diga.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Clegane dá uma rasteira em Oberyn, bate muito nele, arranca seus olhos e depois esmaga sua cabeça.

  • 7. Catelyn Stark

(3ª temporada, 9º episódio – “The Rains of Castamere”)

“Pela minha honra como uma Tully, pela minha honra como uma Stark, deixe-o ou vou cortar a garganta da sua mulher.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Catelyn morreu no Casamento Vermelho, assim como a nora e o filho.

  • 8. Jorah Mormon

(8ª temporada, 3º episódio – “The Long Night”)

“Empunhem suas espadas.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morto após salvar a vida de Daenerys, que caiu de um dragão. Porém, acaba sendo ferido fatalmente por um dos mortos-vivos.

  • 9. Khal Drogo

(1ª temporada, 10º episódio – “Fire and Blood”)

“Não, eu devo cavalgar.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Em uma batalha, Khal é ferido e contrai septicemia, que o deixa à beira da morte. Daenerys pede que façam um feitiço para salvá-lo, mas Drogo acaba em estado vegetativo. Então, sua mulher o sufoca com um travesseiro.

  • 10. Mance Rayder

(5ª temporada, 1º episódio – “The Wars to Come”)

“Este foi meu lar por muitos anos. Desejo-lhe sorte nas guerras que estão por vir.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Mance morre queimado em uma pira, e Jon atira uma flecha para que ele não sofra.

  • 11. Robert Baratheon

(1ª temporada, 8º episódio – “You Win or You Die”)

“Minha lembrança: Rei Robert Baratheon, morto por um porco. Me dê algo para a dor e me deixe morrer.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Mortalmente ferido por um javali.

  • 12. Robb Stark

(3ª temporada, 9º episódio – “The Rains of Castamere”)

“Mãe.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Robb é atingido por várias flechas e ainda consegue se levantar, porém tem a garganta cortada depois.

  • 13. Tywin Lannister

(4ª temporada, 10º episódio – “The Children”)

“Você atira em mim. Você não é meu filho.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Tyron o mata enquanto ele estava sentado na privada.

  • 14. Shireen Baratheon

(5ª temporada, 9º episódio – “The Dance of Dragons”)

“Mãe, não faça isso, por favor! Por favor, socorro! Não faça isso! Por favor, pai! Mãe, socorro!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morta queimada viva por Melisandre, a mando de Stannis Baratheon.

  • 15. Maester Aemon

(5ª temporada, 7º episódio – “The Gift”)

“Ovos! Ovos... Eu sonhei... Que eu era velho...”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morreu de velhice.

  • 16. Ramsay Bolton

(6ª temporada, 9º episódio – “Battle of Bastards”)

“Senta. Senta! Senta! Senta! Senta! Senta!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Sansa o dá para os seus cachorros selvagens comerem.

  • 17. Eddard Stark

(1ª temporada, 9º episódio – “Baelor”)

“Eu sou Eddard Stark, Lorde de Winterfell e Braço do Rei. Eu vim até você para confessar minha traição na visão de Deus e do homem. Eu traí a fé do meu Rei e a confiança do meu amigo Robert. Eu jurei proteger e defender seus filhos, mas depois que seu sangue estava frio eu planejei assassinar seu filho e roubar o trono para mim. Deixe o Alto Pardal e Baelor, o abençoado serem testemunhas do que digo: Joffrey Baratheon é o único verdadeiro herdeiro para o Trono de Ferro, pela graça de todos os deuses, Lorde dos Sete Reinos e protetor do Reino.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Joffrey descumpre acordo feito com Ned e manda executá-lo.

  • 18. Thoros

(7ª temporada, 6º episódio – “Beyond the Wall”)

“Apenas confie na escuridão.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morreu atacado por um urso zumbi.

  • 19. Eddison Tollett

(8ª temporada, 3º episódio – “The Long Night”)

“Sam! Levante! Sam…!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morto pelo Rei da Noite.

  • 20. Joffrey Baratheon

(4ª temporada, 2º episódio)

“Isso não é nada!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Joffrey morre envenenado, logo após se casar.

  • 21. Daenerys Targaryen

(8ª temporada, 6º episódio)

“Nós quebramos a roda juntos.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Morta por Jon Snow, que se declara para ela e crava uma faca em seu peito.

  • 22. Cersei Lannister

(8ª temporada, 5º episódio)

“Por favor, não me deixe morrer. Eu não quero morrer. Não assim.”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Cersei implora a Jaime que não a deixe morrer, mas o lugar onde eles estão desaba.

  • 23. Missandei

(8ª temporada, 4º episódio)

“Dracarys!”

As 23 “últimas palavras” mais marcantes em Game of Thrones

Missandei é decapitada por Montanha.

Este texto foi escrito por Fernanda Estrela via nexperts.

Mais sobre o fim de Game of Thrones: