Na última sexta-feira (12), a revista Entertainment Weekly reportou que a atriz Elisabeth Moss, conhecida pelas séries The Handmaid's Tale e Mad Men, entrou para o elenco principal do remake de O Homem Invisível.

Elisabeth Moss entra para o elenco de O Homem Invisível(IMDb/Reprodução)

Considerando o clássico de horror da Universal Pictures, lançado originalmente em 1933 e protagonizado por Claude Rains e Gloria Stuart, a ideia era que a repaginada do personagem-título fosse um dos próximos lançamentos do então chamado Dark Universe, anunciado pelo estúdio em 2017. O intuito era integrar as histórias dos monstros em uma só mitologia, iniciada com A Múmia, que foi estrelado por Tom Cruise, Sofia Boutella e Russell Crowe.

O projeto também listava artistas de renome, como o diretor Bill Condon (A Bela e a Fera), para a direção de A Noiva de Frankenstein, além de Javier Bardem e Johnny Depp, para interpretarem, respectivamente, Frankenstein e Homem Invisível. Com a baixa aceitação de A Múmia pelo público e pela crítica, o Dark Universe foi engavetado pelo estúdio, que, ainda de acordo com a EW, estaria inclinado a conceder os projetos a cineastas que queiram contar histórias individuais focadas no horror e sem restrições de orçamento ou classificação indicativa.

Não por menos, a Blumhouse Productions seria uma das principais interessadas em endossar o remake de O Homem Invisível. Produtora de títulos aclamados, como Nós e Corra!, além dos descompromissados Verdade ou Desafio e A Morte te dá Parabéns — todos distribuídos pela Universal Pictures —, a produtora fará o longa a partir do roteiro de Leigh Whannell (Sobrenatural: A Origem), que deve dirigir a produção na Austrália. A escalação de Moss teria acontecido por conta de a atriz ser integrante do elenco do último filme de Jordan Peele, uma vez que as obras compartilham os produtores.

Não foi divulgada uma data de estreia tampouco o envolvimento de Depp.

Este texto foi escrito por Thiago Cardoso via nexperts.