Alerta! Este texto contém SPOILERS do episódio 15x21 de Grey’s Anatomy, exibido no dia 11 de abril na TV americana pelo canal ABC.

Grey’s Anatomy trocou Seattle por Nova York por um dia para o episódio centrado em Amelia (Caterina Scorsone) e a complicada família Shepherd. Curiosamente, quem brilhou foi Link. O personagem de Chris Carmack começa a achar seu lugar na trama como um possível companheiro perfeito para a neurocirurgiã.

Em “Good Shepherd”, Amelia e Link viajam para realizar uma cirurgia de risco no outro lado do país e acabam esbarrando em Nancy (Embeth Davidtz), a irmã mais velha da médica – que imediatamente apresenta o colega como Owen Hunt, seu marido.

Acontece que nenhuma das outras mulheres Shepherd ao menos sabia a aparência de Owen (o que, em tempos de redes sociais parece difícil de acreditar), já que Amelia se manteve afastada da família nos últimos anos.

Nancy consegue forçar a irmã caçula e Link (que improvisa muito bem no papel de homem casado) a irem jantar em sua casa naquela noite, onde eles são surpreendidos pela presença da única Shepherd que ainda não conhecíamos: Kathleen (Amy Acker).

Apesar de novata em Grey’s Anatomy, Kathleen é tão crítica de Amelia quanto suas outras irmãs, não perdendo tempo em relembrar seus maiores erros e fugas. As coisas já não estão indo muito bem, até que a chegada da mãe de Amelia, Carolyn (Tyne Daly), piora as coisas. Afinal, ela é a única que sabe que aquele não é realmente Owen.

Depois de uma nova rodada de julgamentos e o pior que uma reunião familiar pode oferecer, Link fica do lado de Amelia e começa a falar o quanto ela é incrível para suas irmãs mesquinhas. Sem contar o fato que ele vinha sendo o apoio emocional que ela precisava durante os últimos dias, algo que a neurocirurgiã não tinha há algum tempo.

Ver o médico lidar com a família de Amelia e ser capaz de ficar ao seu lado sem julgamentos (diferente de uns e outros... cof, cof, Owen), pode ter mudado o modo com que ela o vê – e definitivamente nos fez comprar a ideia do novo casal.

A mudança vem em boa hora, já que Link ainda não havia achado seu lugar em meio ao elenco inflado de Grey’s Anatomy. Depois do breve e falho triângulo amoroso com Meredith e DeLuca, o personagem não tinha uma função narrativa clara.

Por fim, uma conversa de reconciliação com sua mãe faz Amelia parecer pronta para superar seus traumas e recomeçar sua vida uma nova vez. Resta saber se Link estará incluso nesses planos. Nós particularmente acreditamos que os lados divertidos dos dois personagens podem ser uma combinação inesperadamente perfeita. Quem viver (ou sobreviver, tratando-se de Grey's Anatomy), verá.

O próximo episódio da 15ª temporada de Grey’s Anatomy será exibido no dia 18 de abril na TV americana. No Brasil, a série é exibida pelo canal Sony, com episódios inéditos às segundas-feiras.

Mais novidades de Grey’s Anatomy: