Lançada no streaming da DC Comics dos Estados Unidos em fevereiro, a série Doom Patrol fala sobre um estranho grupo de heróis de fama duvidosa e talentos ainda por desenvolver, entre os quais está o Negative Man, ou Larry Trainor, um homem com o corpo inteiro coberto por bandagens que é interpertado pelo ator Matt Bomer (White Collar, Magic Mike).

Outro aspecto em que o personagem foge do padrão dos super-heróis é o fato de ser gay — assim como próprio Matt, que é famoso por interpretar personagens galãs héteros e considerado um dos homens mais atraentes do mundo. Toda essa formosura, no entanto, passa parte do tempo na série escondida atrás das bandagens, já que seu personagem passou por um acidente que deixou o corpo deformado.

Por outro lado, isso não impede o público de enxergar todo o talento de Bomer, que divide a interpretação do personagem com outro ator, Matthew Zuk, que assume nas situações em que ele está totalmente coberto. Na série, Larry é um ex-piloto de avião que é casado com uma mulher e tem dois filhos, mas vive uma vida paralela com um namorado fora de casa.

Matt Bomer fala sobre interpretar super-herói gay em Doom Patrol

Os únicos momentos em que o ator aparece mesmo são alguns flashbacks, o que torna tudo mais desafiador, já que a linguagem corporal dos dois artistas precisa ser muito parecida para que as cenas funcionem, além do fato de que, embora não esteja sob as bandagens, Matt ainda empresta a voz ao Negative Man mesmo nessas cenas. "Não é como dublar uma animação, é uma colaboração verdadeira em que eu só tento algo, Matthews faz a parte dele, e nós voltamos e polimos tudo de novo no fim", diz.

Esse desafio foi uma parte da razão pela qual Matt aceitou o trabalho em Doom Patrol. A outra foi o reconhecimento de ser o primeiro super-herói oficialmente gay da televisão. "Eu nunca tinha visto um super-herói homem e gay e o que eu amo mais sobre o personagem é que mesmo sendo uma grande luta interna dele, não é a única coisa que o define; ele é muito multifacetado. Eu teria reservas se esse fosse o único fato sobre ele, se fosse apenas esse único aspecto estereotipado", disse o ator sobre o personagem que acredita ser “tão ou mais interessante que o Superman”.

Matt Bomer fala sobre interpretar super-herói gay em Doom Patrol

Descrita por Bomer como "alucinante, abstrata e absurda", a série é desenvolvida pelo produtor Jeremy Carver com inspiração nos quadrinhos de Doom Patrol. Dela, também participam Brendan Fraser, Diane Guerrero e April Bowlby, além de Timothy Dalton, entre outros. "Se fosse outro tipo de série, mediana, meio noir, meio Gotham, eu não teria feito parte dela", disse o ator.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.