Logo, logo não teremos mais aquela ansiedade para assistir a mais uma temporada de Game of Thrones; em breve, não esperaremos mais episódios inéditos para roermos as unhas. Faltam apenas seis capítulos para que a série diga adeus para sempre. A vida é dura, amigos.

Mas, antes de sentirmos aquele vazio interior tão peculiar de quando uma série termina, podemos fazer uma coisa: rever todos os episódios até 14 de abril, quando começará a temporada derradeira. Veja bem, se assistir a um episódio por dia, em pouco tempo é possível fechar a maratona, pois você precisará de 65 horas e 18 minutos entre o play do piloto e os últimos créditos do 67º capítulo.

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Se você não tiver esse tempo sobrando, recomendamos que reassista aos pontos essenciais da série. Para facilitar, preparamos uma lista com os 16 principais episódios com um apanhado das coisas mais importantes da história, momentos chocantes e por que o fato foi relevante. Nem precisamos dizer que está cheio de spoilers, não é?

1. "Winter Is Coming"

Primeira temporada, episódio 1

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Todos jovens e com pele boa. No episódio piloto, que passou no longíquo ano de 2011, nem tínhamos ideia do que viria pela frente com Robb, Sansa, Arya, Bran e Rickon junto do bastardo Jon Snow e Theon Greyjoy. Na época, só queríamos saber do enredo de Ned Stark indo para Porto Real para ser a Mão do Rei de Robert Baratheon, seu velho amigo, casado com a "fofa" Cersei Lannister — além dos filhos, incluindo aquele "anjo de pessoa" chamado Joffrey. Conhecemos Tyrion, o melhor personagem de todos, e também atravessamos o Mar Estreito para conhecer Daenerys Targaryen e seu irmão, que leva a moça para conhecer Khal Drogo, líder de uma horda de cavalaria conhecida como Dothraki.

Momento mais chocante: depois de ser pega transando com o irmão, Jaime, Cersei o manda empurrar a criança, Bran, pela janela do castelo.

Por que o episódio é importante: a série já começa dando o recado: não confie nos Lannisters e não se apegue aos personagens.

2. "Baelor"

Primeira temporada, episódio 9

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Aqui começa a sucessão de tragédias que nos fizeram desacreditar que essa série nos daria alguma alegria. Depois de lutar para salvar sua vida e livrar Sansa, Ned é decapitado em praça pública na frente das duas filhas. O pior é que Joffrey tinha prometido exilar Ned e poupar sua vida, mas sabemos como esse garoto é infernal.

Momento mais chocante: obviamente, a decapitação de Ned, pois a cena é fortíssima.

Por que o episódio é importante: percebemos que Game of Thrones não pouparia nem o protagonista.

3. "Fire and Blood"

Primeira temporada, episódio 10

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Se a primeira temporada só teve momentos relevantes, aqui tivemos um pouco de respiro para os personagens após a morte de Ned Stark. Daenerys permite que uma bruxa use magia para salvar a vida de Khal Drogo. Em Porto Real, Sansa é mantida como refém pelos Lannisters, que descobriram que Jaime foi capturado pela rebelião de Robb Stark. Aliás, Robb é proclamado Rei do Norte, Tyrion é nomeado a Mão do Rei, e Arya consegue embarcar, com Jon Snow, na primeira expedição além da Muralha. O final é de tirar o fôlego.

Momento mais chocante: Daenerys entra em uma pira e sai vivinha com seus filhotes de dragão recém-nascidos.

Por que o episódio é importante: Daenerys finalmente prova que é tudo aquilo que dizia ser, e Cersei toma gostinho pelo autoritarismo ao perceber que poderá manipular e governar junto de seu filho Joffrey.

4. "Blackwater"

Segunda temporada, episódio 9

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

A HBO já firmava Game of Thrones como um grande hit, mas ainda não era o rolo compressor de sucesso que veríamos mais para frente. Talvez o sucesso definitivo tenha começado no nono episódio da segunda temporada, porque, com "Blackwater", a série passou a dizer a que veio ao mostrar a primeira grande batalha épica, que embaralhou toda a história e deu espaço a diversas teorias. A Batalha da Água Negra foi um espetáculo, o uso do fogo vivo foi incrível, e vimos como Tyrion Lannister é um estrategista de primeira.

Momento mais chocante: Cersei diz para Sansa que ela será estuprada pelo exército invasor.

Por que o episódio é importante: vimos que a HBO daria todo o dinheiro do mundo para que Game of Thrones fosse a produção mais cara e bem produzida da TV.

5. "And Now His Watch Is Ended"

Terceira temporada, episódio 4

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Tyrion tenta descobrir uma forma de provar que Cersei, sua própria irmã, tentou matá-lo durante a Batalha da Água Negra. Enquanto isso, a influência de Cersei sobre Joffrey é ameaçada com a chegada de Margaery Tyrell (maravilhosa!), que aconselha o reizinho a falar com o povo para mostrar ser uma pessoa amável, e não um tirano. Varys, Olenna Tyrell e Margaery planejam manter Sansa sob sua proteção por meio de um casamento com Sor Loras, enquanto Mindinho planeja levá-la com ele para Ninho de Águia na viagem com sua prometida Lysa Arryn. Depois de uma tentativa frustrada de fuga, Theon encontra seu algoz, Ramsay Bolton/Snow. Jaime se recupera após ter a mão decepada, e Beric Dondarrion sentencia Sandor "Cão de Caça" Clegane a um julgamento por combate depois de ter matado o amigo de Arya.

Momento mais chocante: Daenerys compra um exército de 8 mil imaculados, manda-os matar todos os traficantes de escravos e os liberta, dando-lhes escolha para fugirem ou lutarem como quiserem.

Por que o episódio é importante: o destaque de Daenerys cresce, e ela começa a construir o enorme exército com o qual navegará para Westeros, o que é muito importante no decorrer da série. O esquema de Mindinho e Olenna Tyrell revela bastante sobre como o jogo dos tronos é realmente jogado.

6. "The Rains of Castamere"

Terceira temporada, episódio 9

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Só de lembrar desse episódio, já ficamos acabados. Talvez tenha sido uma das coisas mais chocantes que a TV já fez, simplesmente porque ninguém tinha noção do nível de violência que ocorreria — exceto aqueles que já tinham lido os livros. "The Rains of Castamere" é mais conhecido como "Casamento Vermelho". A cerimônia de núpcias entre Edmure Tully, irmão de Catelyn Stark, e Roslin Frey, a filha do vingativo Walder Frey, terminou com um banho de sangue que levou à morte Robb Stark, sua esposa Talisa, seu filho ainda não nascido e Catelyn. A cena nos deixou de queixo caído. É interessante notar como os roteiristas já tinham algumas coisas planejadas para mais tarde, especialmente quando percebemos o modo como Arya presencia a morte da família, com atenção para a chocante cena de sua mãe tendo a garganta cortada.

Momento mais chocante: todo o Casamento Vermelho, mas a morte de Catelyn é a mais forte e deprimente.

Por que o episódio é importante: definitivamente, ficamos sabendo que qualquer um — qualquer um mesmo — pode morrer na série.

7. "The Lion and the Rose"

Quarta temporada, episódio 2

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

A quarta temporada é repleta de momentos chocantes, mas o segundo episódio termina com uma cena assustadora e genial. Em Porto Real, Joffrey se casa com Margaery e faz uma festa pomposa; o reizinho insuportável só não contava que alguém colocaria veneno na sua comida. A morte foi dolorosa, mas respiramos aliviados. Cersei tem certeza de que o culpado é seu irmão Tyrion. Com a morte de Joffrey, o caçula Tommen Baratheon assume o trono e precisa aguentar as manipulações de Cersei. E ainda dá tempo de vermos Melisandre começar a arquitetar seu plano para convencer Stannis a queimar viva a própria filha, tudo em nome do Senhor da Luz.

Momento mais chocante: a cara roxa de Joffrey e a luta interna por acharmos aquilo divertido e horrível ao mesmo tempo.

Por que o episódio é importante: a morte de Joffrey muda tudo, já que Sansa foge com Mindinho e Cersei fica ainda mais louca.

8. "The Mountain and the Viper"

Quarta temporada, episódio 8

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Logicamente, Cersei não sossegaria enquanto não visse Tyrion morto; mas nada poderia ser tão fácil assim. O anão exige um julgamento por combate (chocando todos) e convoca Oberyn Martell para enfrentar Montanha, o brutamontes de Cersei.

Momento mais chocante: a cena final da morte de Oberyn Martell.

Por que o episódio é importante: reafirma a divisão entre Cersei, Jaime e seu irmão Tyrion, ao mesmo tempo que estabelece a importância de Mindinho na história.

9. "The Children"

Quarta temporada, episódio 10

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

O fim da quarta temporada traz vários momentos importantes para o futuro. Bran encontra o tal Corvo de Três Olhos e faz grandes revelações, Arya vai para Braavos receber treinamento, e há uma luta brutal de espadas entre Brienne e Cão de Caça. Além disso, vemos Daenerys e seus amados filhos dragões, que não são mais fofos. É um episódio mais calmo, mas com informações relevantes.

Momento mais chocante: Tyrion é libertado por Jaime, mata sua amada Shae e seu pai, Tywin.

Por que o episódio é importante: Tyrion se liberta para formar uma importante aliança com Daenerys na quinta temporada; e Arya cresce muito na série.

10. "Hardhome"

Quinta temporada, episódio 8

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

A quinta temporada não foi muito animada, mas não podemos reclamar, já que o ano anterior foi bem mais pesado; era hora de desenvolver os personagens. Em "Hardhome", acompanhamos a luta de Jon Snow para convencer os Selvagens de que todos morrerão e se transformarão em zumbis, a menos que o acompanhem até a região sul da Muralha. É claro que muitos Selvagens não confiam em Jon Snow, mas Tormund convence alguns milhares a embarcar em navios e sair daquele lugar. Infelizmente, os White Walkers estão próximos, e somos presenteados com uma cena de ação que dura 24 minutos, na qual prendemos a repiração e vimos por que GoT é tão incrível. O Rei da Noite e seu exército aniquilam um povoado em uma batalha épica.

Momento mais chocante: quando o Rei da Noite levanta os braços e todos os Selvagens mortos se transformam em soldados zumbis no Exército dos Mortos, enquanto Jon e sua tripulação se afastam. Assustador!

Por que o episódio é importante: finalmente o inverno chega, e descobrimos que a espada de Jon Snow pode matar os zumbis horrendos.

11. "Mother's Mercy"

Quinta temporada, episódio 10

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Nem temos o que falar sobre esse episódio a não ser destacar seu final, não é? Não foi nenhuma ingenuidade achar que, de fato, Jon Snow havia morrido, já que se trata da série que fez o Casamento Vermelho. Por isso, a cena de sua morte foi uma dos trechos mais impactantes e nos deixou aflitos por meses.

Momento mais chocante: obviamente, a cena da morte de Jon Snow.

Por que o episódio é importante: embora a morte de Jon Snow tenha sido o fato principal, também vimos eventos importantes em outros núcleos, como Sansa e Theon fugindo de Winterfell, a batalha entre os Baratheons e os Boltons e Cersei fazendo sua histórica e humilhante caminhada da vergonha pelas ruas de Porto Real.

12. "Home"

Sexta temporada, episódio 2

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Tentaram nos fazer acreditar que Jon Snow estava mesmo morto, mas, no intervalo entre a quinta e a sexta temporadas, algumas fotos de Kit Harington no set de gravação apaziguaram nosso coração. Só não sabíamos como ele retornaria, já que o personagem realmente havia morrido na história: Melisandre faz sua mágica e consegue trazer o moço de volta à vida.

Momento mais chocante: Jon Snow abrindo os olhos e respirando. Que cena!

Por que o episódio é importante: Jon Snow assume sua relevância no jogo e entende que precisa ser o líder que todos esperam há anos.

13. "The Door"

Sexta temporada, episódio 5

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Poderíamos ficar repetindo "Hold the Door" para o resto da vida, tamanho o choque que foi assistir a esse episódio. Nele, descobrimos mais sobre os poderes de Bran Stark e conhecemos o trágico fim de Hodor.

Momento mais chocante: Hodor… Hodor… Hodor… Hodor… Hold the… Hold the door!

Por que o episódio é importante: um dos personagens mais amados de Game of Thrones morreu, e a origem do seu nome deixou todos de queixo caído; também descobrimos a origem dos White Walkers e a história de Bran.

14. "Battle of the Bastards"

Sexta temporada, episódio 9

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Eventos legais acontecem nesse episódio, mas o confronto entre Jon Snow e Ramsay Bolton é uma das mais impressionantes criações já feitas na TV e que não perde nada para nenhuma superprodução cinematográfica. Literalmente, é de tirar o fôlego. Também vemos Daenerys derrotar os escravagistas e encontrar Theon e Yara, o que possibilita que a Rainha faça uma aliança com os Greyjoys.

Momento mais chocante: toda a batalha e o esmero da HBO para produzir uma das criações mais incríveis da história da televisão americana.

Por que o episódio é importante: os Starks finalmente começam a chegar mais perto de recuperar Winterfell e governar legitimamente.

15. "The Winds of Winter"

Sexta temporada, episódio 10

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

No Norte, Arya faz uma surpresinha para Walder Frey e seus filhos, vingando a morte de sua família. Cersei explode todo mundo durante o seu julgamento em Porto Real e assume o trono. Jon é declarado Rei do Norte, e descobrimos sua origem. Daenerys começa sua jornada para Westeros. Acontece muita coisa, não é? Esse é o episódio mais longo da história de Game of Thrones.

Momento mais chocante: a explosão em Porto Real e a morte de 11 personagens de uma só vez.

Por que o episódio é importante: descobrimos que Jon não é filho de Ned, mas de Lyanna Stark e Rhaegar Targaryen, e Daenerys é sua tia.

16. "The Dragon and the Wolf"

Sétima temporada, episódio 7

Os 16 episódios essenciais de Game of Thrones

Após fugir dos White Walkers, Jon Snow e Daenerys tentam convencer Cersei a unir forças com eles para impedir que a ameaça dos zumbis acabe com todos. Cersei concorda, mas somente se Jon permanecer neutro durante a guerra entre os Lannisters e Daenerys, mas ele logo avisa que já é aliado da Rainha dos Dragões. É nesse episódio que vemos todo o elenco da série reunido no mesmo local pela primeira vez. Temos a morte de Mindinho, e Jaime vai embora de Porto Real após descobrir que Cersei mentiu em relação a ajudar Jon Snow.

Momento mais chocante: a maravilhosa execução de Mindinho e a reação de Sansa e Arya — cena incrível!

Por que o episódio é importante: o Rei da Noite, montado no dragão de Daenerys, agora um dragão-zumbi, derruba parte da Muralha e permite que os mortos passem para os Sete Reinos, algo prometido desde o primeirísimo episódio. E então seguimos desesperados para a temporada final.

Este texto foi escrito por Rodrigo de Lorenzi Oliveira via nexperts.

Mais de Game of Thrones: