Família que assiste a séries unida permanece unida! Se você tem filhos, deve se perguntar de vez em quando que tipo de programa pode ver com eles, mas também se divertir junto. Pensando nisso, preparamos uma lista de títulos perfeitos para famílias, disponíveis em vários canais e serviços de streaming e para todos os gostos!

É importante ressaltar que as classificações oficiais são meramente indicativas e que cabe aos pais avaliarem qual programa é apropriado para seus filhos ou não. Assim, recomendamos que pesquisem sobre a série antes.

Stranger Things (Netflix)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Quando Will Byers (Noah Schnapp) desaparece de forma misteriosa, sua mãe (Winona Ryder), o xerife da cidade de Hawkins (David Harbour) e seu grupo de amigos (Gaeten Matarazzo, Caleb McLaughlin e Finn Wolfhard) fazem de tudo para procurá-lo. Enquanto isso, o surgimento de uma menina sem nome e com estranhos poderes (Millie Bobby Brown) e uma organização governamental secreta podem ser a solução para encontrar Will.

Um dos maiores sucessos da Netflix é estrelado por adolescentes e também pode ser visto por eles. A sua classificação oficial nos EUA é TV-14, o que significa que não é aconselhado para menores de 14 anos. É uma série de suspense que envolve mortes e monstros, o que pode ser assustador para crianças pequenas, mas pode ser tranquilamente assistido por adolescentes e pais saudosos dos anos 1980!

Malcolm in the Middle (Claro Video)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Malcom (Frankie Muniz) é o filho do meio de uma família suburbana dos Estados Unidos. Ele, um garoto intelectual e introvertido, precisa aprender a lidar com as excentricidades de seus pais (Bryan Cranston e Jane Kaczmarek) e de seus irmãos Francis (Christopher Masterson), Reese (Justin Berfield) e Dewey (Erik Per Sullivan).

Com a classificação TV-PG, ela tem cenas leves de violência e uso moderado de palavras que podem ser consideradas inapropriadas como “inferno” e “bosta”, mas é bastante inofensiva. Em geral, essa classificação é utilizada para aconselhar que o programa seja exibido para crianças acima de 10 anos de idade.

Young Sheldon (Globoplay, Warner Channel)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Esse spin-off de The Big Bang Theory acompanha a vida de Sheldon Cooper (Ian Armitage) quando era uma criança superdotada no interior do estado do Texas. A série explora o relacionamento familiar dele, bem como sua incapacidade de se adaptar socialmente. O Sheldon original, Jim Parson, atua como narrador da série.

A classificação de Young Sheldon na TV americana é TV-PG, por ter uso de linguagem que pode ser considerada inadequada para crianças muito pequenas. A série é recomendada para maiores de 10 anos.

The Nanny (Prime Video)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Esse clássico dos anos 1990 conta a história de Fran Fani (Fran Drescher), uma vendedora de cosméticos que é contratada por engano como babá por um viúvo inglês, Max Sheffield (Charles Shaughnessy). A série acompanha a vida familiar de Fran com os três filhos de Max: Maggie (Nicholle Tom), Brighton (Benjamin Salisbury) e Grace (Madeline Zima), bem como sua amizade com o mordomo Niles (Daniel Davies).

A série teve originalmente classificação TV-PG nos Estados Unidos e livre no Brasil, quando foi transmitida pelo canal de TV a cabo Sony e pela Record. A classificação americana se deve, principalmente, a algumas cenas de “beijos apaixonados” e ao uso de palavras como “inferno”, nada que cause muita estranheza nos dias de hoje.

Black-ish (Sony/Crackle)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Black-ish acompanha a família de Dre Johnson (Anthony Anderson), formada por sua esposa, Bow (Tracee Elis Ross), e seus filhos: Zoey (Yaya Shahidi), Junior (Marcus Scribner), Jack (Miles Brown) e Diane (Marsai Martin). Eles são uma família afro-americana de classe média alta. Dre se preocupa que seus filhos não têm conhecimento suficiente da cultura afro e pede ajuda de seu pai (Laurence Fishburne) no intuito de criar um senso de identidade étnica em seus descendentes.

Black-ish tem classificação TV-PG e pode ser assistida por crianças a partir de 10 anos. Por ser uma série com adolescentes, pode conter alguma linguagem de teor sexual e palavras consideradas inapropriadas, então deve ser avaliada pelos pais antes.

Avatar: A lenda de Aang (Netflix) e Avatar: A lenda de Korra (Prime Video)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Adulto pode assistir a animações também, ainda mais se for uma tão incrível quanto Avatar! Nesse universo, existem pessoas com habilidades especiais que podem dominar um dos quatro elementos: água, fogo, terra e ar. Aang e Korra são pessoas que têm a capacidade de dominar os quatro ao mesmo tempo — são denominados de Avatar. Acompanhe as aventuras de Aang e de Korra enquanto tentam utilizar os seus poderes para unir os povos e evitar guerras.

Ambas as animações foram transmitidas originalmente pelo canal infantil Nickelodeon e têm classificação livre, mas com recomendação para maiores de 7 anos devido às cenas de luta, que podem ser consideradas intensas para crianças muito pequenas.

Cobra Kai (YouTube Premium)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

De vilão a protagonista, Johnny Lawrence (William Zabka) busca redenção ao reabrir o famoso dojo de karatê Cobra Kai. Lá ele reencontra o seu antigo inimigo, Daniel LaRusso (Ralph Macchio), que precisa encontrar equilíbrio em sua vida sem Mestre Myagi. Também estão envolvidos os alunos de Lawrence, seu filho, Robby Keene (Tanne Buchanan), e a filha de Daniel San, Samantha (Mary Mouser).

Outra série para os amantes do anos 1980, Cobra Kai se passa 34 anos após o filme original, Karate Kid (1984) e acompanha seus personagens principais interpretados pelos mesmos atores. Por ser uma série de luta, contém algumas cenas de violência e é indicada para maiores de 14 anos.

Full House e Fuller House (Netflix)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Mais uma direto dos anos 1990, Três é Demais acompanha Danny Tanner (Bob Saget), um viúvo que cuida de suas três filhas com a ajuda de seu cunhado (John Stamos) e seu melhor amigo (David Coulier). Já Fuller House segue uma história similar, mas com a filha de Danny, D. J. (Candace Cameron Bure), já adulta cuidando de seus próprios filhos com a ajuda da irmã (Jodie Sweetin) e da melhor amiga de infância (Andrea Barber).

Ambas as séries têm classificação livre tanto nos EUA quanto no Brasil. Por aqui, Três é Demais já foi transmitida pela Globo, pelo SBT e pela Warner Channel. Hoje todas as temporadas estão disponíveis na Netflix. Já Fuller House é produzida pelo próprio serviço de streaming e está em sua 4ª temporada.

Playing House (Fox Premium)

Todo mundo juntinho! Séries para assistir em família

Duas melhores amigas de infância encaram o maior desafio de suas vidas: criar um bebê. Depois de engravidar, Maggie (Lennon Parham) descobre que seu marido (Brad Morris) a está traindo; por isso, sua melhor amiga, Emma (Jessica St. Clair), larga seu negócio bem-sucedido na China para ajudá-la.

Playing House tem classificação indicativa para maiores de 14 anos, visto que possui algumas piadas de teor sexual e linguagem que pode ser entendida como inapropriada para crianças. Apesar disso, ela traz uma boa representação de amizade entre mulheres, o que é considerado bom para adolescentes.

Quais dessas séries você já viu ou está acompanhando? Sua série favorita para assistir com a família ficou de fora da lista? Conte pra gente nos comentários!

Este texto foi escrito por Carolina Bernardi via nexperts.