Peter Jackson já tem um novo projeto e se trata de um documentário sobre uma das maiores bandas de todos os tempos. O diretor de O Senhor dos Anéis promete revelar tudo sobre os bastidores da gravação de "Let it Be", o último álbum de estúdio dos Beatles.

O cineasta teria à sua disposição mais de 50 horas de filmagens inéditas feitas em janeiro de 1969, apenas um ano antes que John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Star seguissem seus caminhos solo após o fim da banda.

Jackson pretende mostrar o processo criativo dos Beatles, assim como entrevistas e shows da época. O diretor ainda afirma que seu filme irá desmitificar a aura de turbulência em torno da produção do álbum.

"Fiquei aliviado ao descobrir que a realidade é muito diferente do mito. Depois de rever todas as filmagens e áudios que Michael Lindsay-Hogg gravou 18 meses antes deles se separarem, é simplesmente um incrível tesouro histórico. Claro, há momentos de drama – mas nenhuma das discórdias com as quais esse projeto está associado há tanto tempo. Assistir John, Paul, George e Ringo trabalhar juntos, criando músicas clássicas a partir do zero, não é apenas fascinante – é engraçado, edificante e surpreendentemente íntimo”, disse o cineasta.

Jackson irá trabalhar com a mesma equipe que produziu seu primeiro documentário, They Shall Not Grow Old. O documentário sobre a fase final da carreira dos Beatles como uma banda ainda não tem um título ou uma previsão de estreia.