ATENÇÃO: CONTÉM SPOILERS!

Depois de Corpo Fechado (2000) e Fragmentado (2017), M. Night Shyamalan agora chega aos cinemas com o filme de encerramento de uma trilogia que, até o final do segundo longa-metragem, o público sequer sabia que existia.

Com Vidro, 19 anos depois de apresentar a história de Elijah Price (Samuel L. Jackson) e David Dunn (Bruce Willis), o diretor traz de volta os dois personagens, agora unidos às 24 personalidades de Kevin Wendell Crumb (James McAvoy) — das quais A Fera é a mais representativa —, com a proposta de criar um universo compartilhado.

Quem já foi conferir a novidade no cinema, no entanto, saiu da sessão com uma sensação bem diferente da de encerramento. Afinal de contas, como o próprio personagem de Samuel L. Jackson anuncia, os fatos apresentados em Vidro não são os de uma edição especial de quadrinhos, mas uma história de origem.

No filme, vemos o encontro dos três personagens, que são institucionalizados em uma espécie de prisão preparada para conter as habilidades especiais de cada um, pensada por pessoas que aparentemente sabem lidar com a situação.

Ainda assim, com Sr. Mastermind — nova identidade de Elijah tomando a frente de um elaborado plano de fuga —, o trio consegue escapar, com Elijah e A Fera determinados a atrair Dunn a uma briga em frente às câmeras, tornando pública a identidade de todos.

Depois de terem lutado entre si, os três personagens principais de Vidro são derrotados por uma espécie de organização secreta que, ficamos sabendo, é especializada em evitar que a existência de seres com habilidades especiais, por assim dizer, se torne conhecimento público.

Essa questão começa a ficar clara para o espectador no final do filme, quando David Dunn está sendo afogado em uma poça d'água — o equivalente à criptonita — e percebe uma tatuagem peculiar no pulso do homem que está pressionando sua cabeça.

Mais tarde, a mesma tatuagem é vislumbrada no punho da Dra. Ellie Staple (Sarah Paulson), bem como de outros carrascos, seguranças e policiais. E assim ela mesma revela que faz parte de um grupo que, por milênios, vem garantindo a estabilidade do planeta, evitando que se espalhem as informações sobre a presença de super-heróis entre nós.

Apesar de ter tirado a vida de Dunn, de Elijah e d'A Besta, a sociedade secreta aparentemente não foi bem-sucedida em seu plano de manter tudo em segredo, já que Elijah estava bem à frente da Dra. Staple e se organiza para que as filmagens feitas na instituição onde eles estavam presos cheguem ao público em geral. Ao fim, o vídeo que mostra a existência desses seres com superpoderes é exibido em todos os canais possíveis.

E agora, para onde será que isso vai? Nada foi dito ainda sobre futuros filmes e, mesmo que isso aconteça, os três personagens principais agora estão mortos, de forma que seria um novo começo. Você acha possível? Conte pra gente suas teorias!

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.