A Netflix anunciou a produção de uma nova série original brasileira, Onisciente, com estreia prevista para 2020 no serviço de streaming.

Onisciente mostrará um mundo altamente controlado onde Deus não está vigiando, mas sim um Sistema Onisciente. A trama é ambientada em um futuro próximo, onde cada cidadão é seguido constantemente por um pequeno (quase imperceptível) drone. A máquina alimenta um supercomputador com dados, ao qual ninguém tem acesso. As taxas de criminalidade são quase zero, uma vez que os criminosos sabem com certeza que serão capturados. O Sistema Onisciente parece perfeito até que uma jovem chamada Nina descobre um assassinato, mas o crime não é relatado pelo Sistema. Agora, cabe a ela descobrir o que ele está tentando esconder.

A série tem roteiro de Pedro Aguilera e produção da Boutique Filmes. Ambos também são responsáveis por 3%.

"Onisciente trata do conflito entre privacidade e segurança, e questiona se a ética das pessoas vem de dentro ou vem do olhar de fora, do Sistema", diz Pedro Aguilera, que também servirá como showrunner da nova série. "Estamos super entusiasmados em fazer esta nova série com Pedro Aguilera e com a Netflix novamente. O show traz uma discussão muito atual e uma história repleta de reviravoltas, que vai deixar o público grudado na tela", comenta Tiago Melo, da Boutique Filmes.

Onisciente integra a lista crescente de séries originais brasileiras da Netflix com estreias nos próximos dois anos, incluindo Coisa Mais Linda, O Escolhido, Cidades Invisíveis, Ninguém Tá Olhando, A Facção, Spectros e Sintonia. As filmagens de Onisciente começam no início de 2019.

Via assessoria.