Donald Trump empregou uma frase de efeito de Game of Thrones para divulgar medidas da Casa Branca — e a HBO não gostou nem um pouco da ideia.

No dia 2 de novembro, o presidente Donald Trump usou suas redes sociais para anunciar que seriam impostas sanções ao Irã, depois de se retirar do acordo de armas nucleares. Para falar dessas medidas nada populares, o presidente divulgou uma imagem sua com a frase "Sanctions are coming" (sanções estão chegando).



A questão é que essa é uma clara alusão à maior frase de efeito de Game of Thrones, o lema da Casa Stark: "Winter is coming". Para piorar, a frase ainda estava escrita na mesma fonte usada pela produção da série. Em um comunicado, a HBO se manifestou: "Nós não estávamos cientes dessa mensagem e preferimos que nossa marca registrada não seja desviada para propósitos políticos".

Além disso, a emissora deu uma alfinetadinha no Twitter, ao publicar "Como se diz uso indevido de marca em Dothraki?", em uma brincadeira com a língua dos Khals da série. Alguns membros do elenco também mostraram repúdio à ideia do presidente. Maisie Williams recorreu à frase de efeito de sua personagem, Arya Stark, e respondeu "Not today" (hoje não). Sophie Turner, que interpreta Sansa, simplesmente respondeu com um "Eca".

Ativistas menores, como a comediante Amy Schumer, já usaram a mesma frase de efeito. Schumer, no caso, usou para se posicionar contra a confirmação de Brett Kavanaugh — acusado de estupro — para a Suprema Corte estadunidense. Mas é claro que isso tomou dimensões muito menores e não foi algo institucional.

A administração de Trump vem usando táticas de marketing de cinema para a comunicação com o povo estadunidense. Eles chegaram a fazer um trailer para o encontro com Kim Jong-un (veja aqui). Trump alega ter mostrado o vídeo ao líder coreano.

Este texto foi escrito por Verenna Klein via nexperts.