Betty Cooper pode não ser sua personagem favorita de Riverdale, mas é certamente memorável. Seja por querer bancar a detetive, seja por seu envolvimento romântico com Archie e Jughead, ela é um dos pontos centrais da série. Contudo, o produtor conta que imaginava outra atriz para interpretá-la.

Quem dá vida à Betty dos quadrinhos é Lili Reinhart, de Os Reis do Verão e Surviving Jack. Porém, ela não era a primeira escolha de Roberto Aguirre-Sacasa, o showrunner do seriado da CW. Para ele, uma opção melhor seria Kiernan Shipka, que estreou em Mad Men como a filha de Don Draper, Sally.

"Kiernan estava icônica em Mad Men. E, assim que pensei sobre ela, fiquei meio 'Ah, eu me pergunto se ela faria Betty'."

Como sabemos agora, Shipka não levou o papel. Mas o caminho deles iria se cruzar novamente, devido a outro detalhe: Aguirre-Sacasa também é diretor criativo da Archie Comics. Como muitos fãs sabem, Riverdale se baseia nas revistas em quadrinho da editora, as quais começaram a ser publicadas no início dos anos 40. Na década de 1960, uma edição da "Archie's Mad House" trazia uma nova personagem: Sabrina Spellman, uma jovem feiticeira. Ela se tornou um sucesso e ganhou sua própria revista.

"Sabrina, Aprendiz de Feiticeira" ganhou uma série adolescente na década de 90. Quase 20 anos mais tarde, o mundo da bruxinha é revisitado em O Mundo Sombrio de Sabrina, produção que chega à Netflix no dia 26 de outubro. E, assim que os direitos foram adquiridos, Aguirre-Sacasa se lembrou de Shipka.

"Quando Sabrina foi da CW para a Netflix, nosso diretor de elenco David Rapaport disse: 'Kiernan pode se interessar'. Não havia roteiro na época, mas quando ele disse isso, para mim foi 'Okay, ela é Sabrina. Estou escrevendo isso para Kiernan'."

A nova versão de Sabrina é bem mais sombria que a dos anos 90. Sobre isso, Aguirre-Sacasa tem um ponto de vista bastante claro:

"Ela parecia a atriz certa, na idade certa, no ponto certo de sua carreira e alguém que toparia o desafio, porque é cansativo. Ela está em praticamente todas as cenas. Mas, para mim, Sabrina teve que se posicionar contra o Senhor das Sombras, o mal e seus formidáveis oponentes, e alguém como Kiernan tem a aura e a confiança de ser capaz de fazer isso. Eu diria que ela é a minha primeira escolha com certeza. Com certeza."

Este texto foi escrito por Verenna Klein via nexperts.