Logo que foi lançada, ELITE foi imediatamente comparada a outra série espanhola de sucesso da Netflix: La Casa de Papel. Com parte do elenco em comum e alguns meses de diferença, era inevitável, mas e se nós te dissermos que esse não é o drama que inspirou o novo fenômeno latino?

Nós selecionamos algumas séries das quais os criadores de ELITE parecem ter “bebido da fonte” para montar o suspense criminal adolescente. Algumas semelhanças são mais sutis do que outras, mas o que importa é que todas abriram caminho para a viciante nova série da Netflix.

Big Little Lies

Um crime acontece durante uma festa. Na sequência, todos os envolvidos são interrogados para que os policiais consigam entender os eventos que levaram à tragédia, mas também para que os próprios personagens narrem para o público como viam a relação um dos outros – ainda que nem tudo seja exatamente verdade. E o melhor: tudo isso conseguindo não revelar imediatamente quem foi a vítima (ou o assassino). Essa é a sinopse de... Big Little Lies, mas também de ELITE. Até mesmo o enquadramento da detetive e dos interrogados é o mesmo.

How to Get Away With Murder

Um bando de alunos ambiciosos e muito diferentes acabam se envolvendo em um assassinato. A arma do crime? O troféu que premiaria o melhor deles ao fim do semestre. Por meio de flashbacks ficamos sabendo exatamente o que aconteceu e como as coisas, ou as pessoas, não são realmente o que parecem. Mais alguém com saudades da 1ª temporada de How to Get Away With Murder? Se sim, boas notícias: assista à ELITE, os elementos em comum são todos os descritos acima.

Gossip Girl

Em que ambiente escolar temos adolescentes riquíssimos – que não parecem nunca ter 16 anos – e absolutamente TODAS as pessoas são bonitas? Dica: no Upper East Side e em Las Encinas. Além disso, os personagens fazem mais sexo e usam drogas do que muito adulto. Isso sem mencionar que eles têm valores, digamos, flexíveis... Para não dizer que cometem crimes de gente rica.

La Casa de Papel

ELITE não seria o sucesso que é, não fosse o caminho aberto por La Casa de Papel. É um fato. Ainda que a trama não tenha grandes similaridades – além da utilização de flashbacks e de se passar em torno de um crime –, foi o fenômeno do Professor, Tóquio e cia que mostrou para a plataforma de streaming que o mercado brasileiro abraçaria as produções espanholas do gênero. E, claro, a presença de María Pedraza, Miguel Herrán e Jaime Lorente nos lembra constantemente da precursora.

Merlí

Também filmada na Espanha, Merlí tem um tom muito mais leve, mas, assim como ELITE, se passa em um ambiente escolar com muita diversidade (ainda que aqui ela seja tratada com um pouquinho mais de respeito, às vezes) e jovens descobrindo mais sobre si mesmos. O amadurecimento é impulsionado por um professor de filosofia inspirador.

Rebelde e Glee

Os uniformes são iguaizinhos aos da Elite Way School (que também fala espanhol!) e da Academia Dalton. Brincadeiras à parte, as semelhanças param por aí.

Vale lembrar que a 1ª temporada completa de ELITE já está disponível na Netflix Brasil e que, apesar de ainda não ter sido renovada, as chances de uma 2ª temporada são grandes!