A série terminou há décadas, mas Angel e Buffy nunca saíram do coração do público — e, pelo visto, nem dos atores. Durante a participação em um painel da New York Comic Con, o ator David Boreanaz (o Angel) mostrou que, mesmo depois de longos períodos em outros papéis — como o de Booth, em Bones —, ele não se esqueceu do vampiro que interpretava e ficaria feliz em ver o universo da caça-vampiros retornar à TV com um novo elenco.

Mesmo com a resistência de parte dos fãs, um reboot de Buffy: A Caça-Vampiros está sendo avaliado por Joss Whedon, o criador da personagem e de seus amigos. E Boreanaz defende trazer tudo de volta e dar um novo rosto para a série. "Vamos, gente, é uma coisa boa! Vamos abraçar a ideia. Eu estou muito feliz por eles, que querem alcançar uma nova geração, algo novo. Todo mundo quer o antigo, quer voltar atrás, o que eu consigo entender. Você quer nos ver de novo nesses papéis, é legal, mas as coisas seguem em frente, histórias evoluem, tempos mudam."

Um dos aspectos sobre os quais o ator foi questionado se refere à possibilidade de o reboot na atualidade ser muito criticado pela audiência, no sentido de que toda a sua produção é considerada muito datada — ela foi ao ar entre 1997 e 2003 e trazia toda uma composição bem típica do fim dos anos 90, com diálogos clichês e uma combinação de maquiagem e figurino que beirava o kitsch.

Nesse ponto, entretanto, o ator foi categórico: "Eu acho que é uma grande oportunidade para um reboot como esse mostrar onde nós estamos como sociedade agora, o que você pode fazer com a tecnologia. Eu sou superparceiro, eu acho fantástico, ótimo para eles. E eu espero que se torne um grande sucesso!".

O ator garante que não sente ciúmes de alguém que entre no seu papel e interprete o Angel, queridíssimo por ele mesmo e pelos fãs do seriado. “Eu acho ótimo, vá em frente. Eu é que não quero ter que colocar aquela maquiagem toda novamente.”

O reboot de Buffy foi anunciado em julho, quando o criador da história, Joss Whedon, anunciou que estava trabalhando com a 20th Century Fox e a roteirista Monica Owusu-Breen. A novidade ainda não tem data de estreia definida.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.