Um dos desenhos mais assistidos da geração de jovens adultos da atualidade entrará em sua 30ª temporada. Os Simpsons são mundialmente conhecidos por diversos fatores, como a irreverência e o humor ácido de seus caricatos personagens. Em 30 anos e mais de 600 episódios, a animação seguiu o curso da sociedade americana e do cenário global, com críticas veladas em muitas das piadas da família mais divertida das telinhas.

Além de arrancar gargalhadas, o programa conseguiu acertar diversos acontecimentos ao redor do globo que nos fazem pensar: seriam os criadores do seriado capazes de prever o futuro? Confira a lista com 16 vezes em que Lisa e companhia acertaram mais do que horóscopo de jornal.

1 - O ataque de tigres brancos aos artistas Roy e Sigfried

Como nem só de previsões boas foi feito o programa, o episódio chamado "$pringfield", que foi ao ar em 1993, previu que o ataque à dupla Roy e Sigfried ocorreria, infelizmente. No episódio a Marge fica viciada em jogo, aprontando muitas aventuras em Las Vegas. O problema é que também coloca a dupla sendo atacada pelo tigre.

A dupla alemã foi muito famosa em Las Vegas desde os anos 80. Os espetáculos eram diversificados entre ilusionismo e atrações perigosas, geralmente envolvendo grandes felinos, como tigres e leões. Em 2003, no entanto, a dupla foi pega de surpresa quando um tigre-branco atacou Roy, deixando-o gravemente ferido. Houve a possibilidade de a estrela nunca mais andar ou falar novamente.

2 - Donald Trump presidente

Seguindo a lista de previsões catastróficas, eis aqui o episódio em que Lisa é eleita para governar os Estados Unidos da América e menciona seu antecessor: Donald Trump. A jovem passa a ser a mulher mais importante do país e uma das mais poderosas do mundo, com um trabalho megacomplicado: colocar a nação de volta nos trilhos após a desastrosa gestão anterior, a do presidente Trump. O capítulo foi ao ar em 2006, e 10 anos depois o empresário foi eleito para o cargo. Coincidência?

3 - Aquisição da 20th Century Fox pelos estúdios Disney

Basicamente, os negócios Disney estão comprando tudo: Marvel, Pixar, Lucas Film — e, se reclamar, compra você também. Em 2017, adquiriu a 21st Century Fox, detentora dos estúdios 20th Century Fox, pela bagatela de US$ 71,3 bilhões. A aquisição foi complicada e levou alguns anos para ser consolidada. Quando o negócio finalmente saiu, o grupo se consolidou ainda mais como um dos maiores do ramo. Bem antes disso, em 1998, o anúncio já havia sido feito pelos produtores de Os Simpsons. Em uma cena que Bart vai ao cinema, a propaganda já mostrava a Fox pertencente à gigante do Mickey.

4 - Medalha de ouro no curling, da equipe masculina estadunidense

Os Estados Unidos têm atletas de elite em diversas modalidades esportivas. Eles geralmente são favoritos quando disputam diversas competições, inclusive nas Olimpíadas de Inverno. Em 2018, na Coreia do Sul, a equipe de curling, que nunca havia vencido a competição, fez história ao conquistar o título de forma inesperada.

Curling, se você não conhece, é aquele esporte maneiro em que um atleta joga uma pedra de mármore na pista e seus companheiros de equipe vão varrendo. Além de medalhas, a disputa gerou vários memes neste ano. E, lá em 2010, Os Simpsons fizeram a previsão desse título!

5 - Vencedores do Super Bowl

O campeonato de futebol americano, NFL, nos Estados Unidos, é uma das ligas esportivas mais valiosas do mundo. Construído em um modelo de negócio que busca a competitividade entre todos os times, atrai espectadores do mundo todo. A grande final da competição tem o nome de Super Bowl e é um dos eventos mais assistidos ao redor do globo.

Como muitos times são bem fortes, é complicado apostar em um vencedor. Mas em 1992, o desenho se arriscou e colocou que o Washington Redskins seria o campeão. E mais: acertou os vencedores em outras duas oportunidades (em 1993, com o Dallas Cowboys, e em 1994 o San Francisco 49ers).

6 - Apresentação da Lady Gaga no Super Bowl

Aproveitando que estamos falando da NFL, vamos trazer alguns números do espetáculo. O evento é um dos mais assistidos não só nos Estados Unidos, mas também no mundo todo. Apenas em 2018, foram 130 países transmitindo a final. Um comercial entre as jogadas custa R$ 16 milhões, e as empresas desenvolvem campanhas exclusivas visando ao fenômeno.

Na lista das 20 maiores audiências estadunidenses, 19 foram de Super Bowls. Além do embate entre os times, o show do intervalo é algo sempre muito disputado e comentado, devido ao alcance global. A estrela da edição de 2017 foi a cantora Lady Gaga, que arrasou. A animação previu em 2012 que a diva seria a protagonista, e Gaga não decepcionou a expectativa dos fãs.

7 - Corretor automático

Um dos maiores causadores de tretas da era moderna, o corretor automático foi muito bem representado no cartoon. No episódio em questão, Dolph precisa escrever no palmtop: “beat up Martin” (em tradução livre, bater no Martin). Porém, o teclado não reconhece bem e anota: “eat up, Martha” (coma Martha). Na verdade, foi tão bem descrito que os desenvolvedores da Apple, ao trabalharem no teclado do iPhone, utilizavam a expressão Eat up, Martha para descrever bugs nessa parte do aparelho.

8 - Escândalo de espionagem por conta da NSA

Edward Snowden, ex-funcionário da NSA, uma das agências de inteligência norte-americanas, chocou o mundo quando revelou diversos documentos confidenciais, em 2013. As informações eram as mais variadas e traziam diversas ações questionáveis por parte das autoridades. Uma parte abordava inclusive os programas de monitoramento utilizados pelo governo, que coletava dados ao invadir a privacidade dos cidadãos. No filme Os Simpsons, de 2007, o mesmo caso aconteceu quando cada casa era vigiada sem que os moradores soubessem. Seria Snowden um dos escritores do longa?

9 - Surto do vírus Ebola

Esse é um pouco mais especulativo que os demais. Em um episódio em 1997, Bart está doente, e Marge tenta animá-lo lendo um livro intitulado "George o Curioso, e o vírus Ebola". A capa traz um macaco, animal relacionado como sendo o causador do surto em 2014, na África ocidental. A crise é considerada uma das mais sérias já registradas da doença.

10 - Vencedor do Prêmio Nobel de Economia

O prêmio foi concedido por um trabalho desenvolvido por dois autores, o qual complementa aspectos interessantes sobre a economia. A teoria do finlandês Bengt Holmström traz diversas análises sobre distintos pontos de contratos empresariais. Estão entre os temas abordados: desempenhos e relação de pagamentos em alto escalão, precificação de franquias, entre outros assuntos.

O coautor é o britânico Oliver Heart, responsável pela parte do estudo que aborda equilíbrio financeiro, fusão entre empresas e alguns temas relacionados. No episódio que foi ao ar em 2010, Milhouse indicou que Bengt seria o vencedor do prêmio e acertou em cheio! EITA!

11 - Escândalo de corrupção na FIFA

No início de 2014, foi ao ar o episódio em que Homer passa a integrar o quadro de árbitros da FIFA (Federação Internacional de Futebol). Mas por que raios a entidade precisaria contratar novos funcionários com urgência? Basicamente, a falta de profissionais aconteceu em função de a maioria deles estar presa por esquemas de corrupção. Logo depois, em 2015, diversos funcionários, em muitos níveis da instituição, foram encarcerados por crimes envolvendo arranjos de resultados e outras práticas ilegais. Chocou pouca gente; afinal de contas, todo mundo já meio que sabia.

12 - Videochamadas

Seja por Skype, Hangout, FaceTime ou WhatsApp, videochamadas já fazem parte das nossas vidas. Mas isso não era tão comum há 10 anos, por exemplo. Os aparelhos celulares estavam evoluindo com rapidez, porém muitas pessoas não visualizavam o futuro tal qual aconteceu.

Enquanto isso, Os Simpsons fizeram a previsão em 1995, no episódio "Casamento da Lisa", já imaginando a chegada de conversas com imagens, porém com um olhar mais voltado para videoconferências. Ainda assim, bem impressionante, especialmente se pensarmos que, na época em que o episódio foi lançado, a internet não era tão amplamente acessível como agora.

13 - Selecionar uma pessoa comum para ir ao espaço

Sério, às vezes parece que quem coordena o mundo curte muito esse desenho. A NASA selecionou um jovem de 25 anos, chamado Oliver Knight, para ir ao espaço após várias entrevistas e testes. Mas a família mais irreverente das telinhas já havia mostrado isso em 1994. Com certeza, quem comandou o programa que selecionou um cidadão qualquer assistiu à animação!

14 - Bóson de Higgs

A existência do Bóson de Higgs foi descrita primeiramente em 1964 e ganhou ampla divulgação, inclusive o apelido de “Partícula de Deus”, em 1993. O vencedor do prêmio Nobel de Física, Leon M. Lederman, escreveu o livro que gerou a alcunha popular e controversa do Bóson. Mas a existência da partícula só foi comprovada em 2013, quando o Grande Colisor de Hádrons conseguiu gerar energia suficiente para que a escala subatômica fosse observada.

Só que, na temporada 10, em 1998, Homer se torna um inventor e, em uma cena onde ele aparece desenhando no quadro negro, a fórmula escrita é muito próxima da Partícula de Deus. Tecnicamente, ela prevê a massa do Bóson — a única diferença é que não foi a nanopartícula. Incrível!

15 - Processo contra restaurante pela propaganda "tudo que você puder comer"

Em 1994, já na 4ª temporada do programa, a fome de Homer era algo notável. Em um dos episódios, o personagem vai a um restaurante cuja propaganda era: tudo o que você puder/conseguir comer. Obviamente, ele foi expulso depois de comer quase toda a comida do local. Coincidentemente, em 2012, na cidade de Springfield, Massachusetts, um jovem processou um restaurante após ser expulso do estabelecimento. Ele alegou que ainda não tinha terminado sua refeição, mesmo depois de ingerir cerca de 25 quilos de comida.

16 - Teoria do Universo em forma de rosquinha

Bom, aqui estamos em uma área cinzenta das previsões, já que tecnicamente a Teoria do Universo em formato de rosquinha existia anteriormente. No episódio que foi ao ar em 1998, Stephen Hawkings está no bar bebendo com Homer e se interessa pela ideia exposta. Só que, no início dos anos 2000, a proposta volta com força e passa a ser debatida amplamente por diversos estudiosos.

Este texto foi escrito por Luiza Lafuente via nexperts.