Atenção! Este texto contém SPOILERS do terceiro episódio da 8ª temporada da série American Horror Story.

O episódio “Forbidden Fruit” recompensou os fãs que aguardavam pacientemente pela chegada das bruxas de Coven no Apocalypse, o que promete melhorar muito a trama, até então morna, da 8ª temporada de American Horror Story.

Mas esse foi apenas o acontecimento final de uma hora marcada por assassinatos em série e reviravoltas. Vamos aos principais fatos do episódio, em ordem de relevância.

Brock não morreu!

Brock (Billy Eichner) sobreviveu ao apocalipse nuclear com a esperança de se vingar de Coco St. Pierre (Leslie Grossman)

O marido de Coco St. Pierre (Leslie Grossman) – aquele que ela abandonou no meio de um ataque nuclear – está vivo! Brock (Billy Eichner) sobreviveu esses dois anos, ainda que destruído pela radiação, somente para se vingar da esposa. O homem consegue se infiltrar no Outpost 3 ao entrar junta com a comitiva que traz uma cesta de maçãs para os sobreviventes, supostamente um presente da Cooperativa. Durante a festa de Halloween organizada por Venable (já vamos falar mais sobre isso), ele se disfarça e consegue sua vingança ao matar Coco esfaqueada. Na sequência, ele morre junto com todos os outros presentes (eu realmente já vou chegar lá).

Mallory tem poderes sobrenaturais!

Mallory (Billie Lourd) descobre ser uma bruxa

A assistente de Coco, Mallory (Billie Lourd), também passa por uma “entrevista de admissão ao Santuário” com o sinistro Michael Langdon (Cody Fern). Quando ela se sente ameaçada, os dois descobrem que ela tem um grande poder escondido dentro de si, que se manifesta arremessando o rapaz para longe e controlando as chamas da lareira mais próxima. No entanto, o suposto Anticristo evoca um poder superior e acaba com ela, declarando que agora sim exterminou todos “do seu tipo”.

Venable, Mrs. Mead e a ligação da robô com Michael Langdon

Venable (Sarah Paulson) decide matar todos os habitantes do Outpost 3 de uma só vez

Mesmo sem querer, os vilões conspiraram juntos para dizimar os habitantes do Outpost 3. Prevendo uma revolta, Venable (Sarah Paulson) decide usar as maçãs enviadas pela organização superior para matar a todos. Ela manda sua fiel robô Ms. Miriam Mead (sim, é oficial, Kathy Bates está interpretando um ro-bô), programada para ser leal a ela a todo custo, que envenene as maçãs e decide dar uma festa para que todos sejam mostos ao mesmo tempo.

O plano é bem-sucedido com a exceção de Michael Langdon, que fica impressionado com a ação da mulher e anuncia que ela passou no teste para ir ao seu Santuário. Mas Venable não está mais interessada, e ordena que Mead atire para matar. É aí que descobrimos que Landon consegue controlar a androide, virando o jogo e fazendo com que ela mate Venable em seu lugar. Mais do que isso, Mead foi criada baseada nas memórias de sua avó Constance Langdon (Jessica Lange em AHS: Murder House), a única pessoa que o amou. Foi o aspirante a Anticristo também quem enviou as maçãs, estando esse tempo todo um passo à frente.

Surprise bitch, the witches are back!

Madison, Cordelia e Myrtle fazem sua chegada triunfal em American Horror Story: Apocalypse

É após todas essas mortes que Cordelia (Sarah Paulson... de novo), Madison (Emma Roberts) e Myrtle (Frances Conroy) fazem sua entrada triunfal no bunker, prontas para reviver “suas irmãs” Coco, Dinah Stevens (Adina Porter) e Mallory. Sim, aparentemente a jovem não é a única que tem poderes ocultos a serem explorados. E, de acordo com o trailer do próximo episódio, as bruxas estarão em uma missão para salvar o mundo da destruição e, talvez, ter que passar por cima do Anticristo no processo.

Obs: tivemos até direito a um reprise da icônica frase de Madison, "surpresa bitch, aposto que você achou que eu estava morta".

O episódio 8x04 de American Horror Story: Apocalypse vai ao ar no dia 03 de outubro pela FX nos Estados Unidos.

Relacionado: American Horror Story: relembre Muder House e Coven antes da estreia de Apocalypse