Em apresentação no TCA (Television Critics Association), o presidente do canal americano Showtime, Gary Levine, comentou sobre a longevidade de suas séries e quanto mais podemos esperar de Shameless e Ray Donovan.

Levine revelou que a temporada anterior de Shameless, o oitavo ano da série, registrou a melhor audiência da história do programa e ficou em 1º lugar no ranking dos canais premium em 2018, com cerca de 8 milhões de espectadores semanalmente.

“Essa série desafia a gravidade”, brincou Levine no TCA sobre Shameless estar crescendo ano a ano enquanto a tendência natural seria de queda de audiência.

“Nosso sentimento é que os Gallaghers podem continuar. Eu não me importaria de tê-los no ar por muitos anos ainda”. De acordo com o executivo da emissora, o futuro de Shameless depende apenas “dos produtores John Wells e Nancy Pimental, atrás das câmeras, e de Emmy Rossum e William H. Macy, na frente das câmeras”.

O presidente da Showtime comentou ainda que Homeland estará mesmo acabando na próxima oitava temporada (algo que já foi noticiado diversas vezes pelos realizadores).

Levine disse que isso não significa que o programa estrelado por Claire Danes tenha perdido sua relevância, e lembrou que o sétimo ano foi um grande sucesso tanto de público quanto de crítica.

Porém, com Homeland chegando ao fim nesta próxima temporada, Ray Donovan passará a ser a segunda série mais longeva da Showtime. Segundo Levine, existe uma boa perspectiva de que continuar com a obra protagonizada por Liev Schreiber por mais tempo.

Ray Donovan mudará de cidade na sexta temporada, deixando Los Angeles para se aventurar em Nova York, e o novo cenário poderá dar um fôlego renovado para o programa: “Estamos curtindo esta nova direção revitalizada para Ray”, disse o executivo do canal.

E você, gosta das séries da Showtime? Deixe abaixo o seu comentário.