O encerramento de Lost é uma das grandes polêmicas da história da ficção. A série foi emblemática durante todas as suas temporadas e um case de sucesso em termos de engajamento do público. Mas seu final irritou muitos desses mesmos fãs — embora tenha agradado tantos outros.

A questão é que é muito frustrante quando você acompanha uma série durante várias temporadas para ela terminar de um jeito tosco, não é mesmo? E, embora a gente saiba bem que gosto não se discute, há alguns finais que são quase um consenso e incomodaram muita gente.

Confira alguns dos mais polêmicos!

1. Arquivo X

Mulder e Scully funcionam incrivelmente juntos, e esse é um dos motivos pelos quais Arquivo X é uma série tão apreciada no mundo inteiro. Quando David Duchovny deixou o elenco, o seriado perdeu um pouco sua identidade; na finale, em 2002, os criadores até o chamaram de volta para fechar a série com chave de ouro. O problema foi que a história estava em outro caminho e um só episódio não consegue recolocar tudo nos trilhos.

2. Dexter

Em, "Remember the Monsters", o 12º episódio da oitava temporada, temos o famoso Dexter lenhador, o que é frustrante para muita gente. Depois de dar a entender que o protagonista não sobreviveria ao final do episódio, a série acabou salvando o serial killer favorito dos fãs, mas matando as chances de um final coerente.

3. Friends

A lenga-lenga entre Rachel e Ross foi até o final de Friends — o que, para muitos espectadores, foi chatíssimo, considerando que havia uma série de outras questões que poderiam ter sido exploradas na season finale da décima temporada.

4. Girls

Hannah e Marnie são o coração de Girls desde a primeira temporada. Contudo, as outras personagens também são queridas do público, então foi triste a escolha de deixar o restante do elenco de lado. Maternidade e problemas com amamentação são questões interessantes para tratar em uma série com pautas como as de Girls, mas talvez não em uma season finale.

5. Gossip Girl

O episódio 11 da sexta temporada, "New York, I Love You XOXO", deixou os espectadores desgraçados da cabeça pelo tanto de perguntas não respondidas. A série deu a entender que Nate Archibald seria prefeito de Nova York — a pessoa menos preparada. Bart Bass ressuscita de novo, depois de várias quase-mortes, e Dan é revelado como a Gossip Girl.

6. How I Met Your Mother

Embora seja uma controvérsia e muita gente tenha gostado da forma como a série foi encerrada, HIMYM foi um verdadeiro balde de água fria para boa parte dos fãs, que passaram nove temporadas esperando para conhecer a mãe, só para vê-la morrer de câncer no episódio duplo "Last Forever".

7. Roseanne

Um episódio duplo, "Into That Good Night" encerrou a nona temporada de Roseanne em 1997; e os acontecimentos foram tão bizarros que muita gente nem os entendeu. Depois de ganhar a loteria, os Conners perdem boa parte de sua identidade. Até que, no final, o público descobre que Dan, o marido de Roseanne, estava morto, e quase tudo o que aconteceu na temporada era fruto da sua memória.

8. Seinfeld

Há quem nem tenha chegado até ali, mas a conclusão da nona temporada de Seinfeld foi uma verdadeira decepção. Jerry, Elaine, George e Kamer acabam na prisão, o que não necessariamente agrada os fãs. Afinal, a grande pegada da série é justamente o foco nas transgressões do quarteto que não mede esforços para dar uma "esquecidinha" nas regras e leis quando precisa resolver algo.

9. The Sopranos

Se você acha que algumas séries sofrem do grave problema de roteirista preguiçoso, não viu o final de The Sopranos. Foi, no mínimo, corajoso encerrar um programa com seis temporadas simplesmente apagando a tela sem resolver todos os conflitos necessários no episódio "Made in America", deixando a conclusão para a mente do espectador.

10. True Blood

A série da HBO é um dos casos em que só os mais persistentes aguentaram até o final. E estamos falando dos espectadores, não dos personagens. True Blood foi perdendo a qualidade ano a ano e virou um verdadeiro salseiro. Conflitos impossíveis resolvidos com extrema facilidade, personagens fazendo besteira e uma janta bizarríssima na casa de Sookie. Tinha como ser pior?

11. Two and a Half Men

Não dá para esperar um final incrível para uma série que até fez o público rir no começo, mas foi ficando cada vez mais sem graça ao longo dos 12 anos em que foi exibida. Em "Of Course He's Dead", a série mata o protagonista, que já não estava no elenco havia várias temporadas, e simula o fim também do criador Chuck Lorre. Há quem diga que ninguém se importou.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.

O Minha Série está comemorando 10 anos em 2018 com novidades aos nossos fãs: conheça o Clube Minha Série, o nosso perfil no Instagram e não deixe de assinar a newsletter Intervalo, que traz semanalmente conteúdos exclusivos em um formato especial.