De mais um longa de suspense com potencial duvidoso a um dos mais estrondosos sucessos de bilheteria entre os filmes recentes do gênero, a recepção de Um Lugar Silencioso foi tão supreendente que a Paramount já está trabalhando em uma sequência.

Quem diria que um filme de terror em silêncio teria potencial, não é mesmo? Estrelada e dirigida por John Krasinski com Emily Blunt ao seu lado no papel principal, a película conta a história da família Abbott, que tem que viver em uma realidade na qual qualquer som, por menor que seja, pode significar a morte.

Um mundo pós-apocalipto é assombrado por misteriosas criaturas que são atraídas por ruídos, o que obriga os sobreviventes a manterem uma rotina sem fazer barulho mesmo nas atividades mais cotidianas. Eletrizante, o suspense engaja o espectador o tempo todo.

O plot agradou tanto o público que a bilheteria de estreia foi a segunda maior de abril, com US$ 50 milhões somente nos Estados Unidos. Desde que entrou em cartaz, passou três semanas na dianteira entre os mais vistos. Apesar da produção relativamente barata — apenas US$ 17 milhões —, arrecadou US$ 213 milhões no mundo até 25 de abril.

A fim de dar continuidade a tanto sucesso, o CEO da Paramount, Jim Gianopulos já confirmou a negociação da sequência. Ele ainda não divulgou, no entanto, se o novo longa-metragem vai se concentrar na mesma família ou se teremos uma história paralela, nem se os atores que estavam no primeiro filme estarão no segundo.

Os roteiristas continuarão sendo Bryan Woods e Scott Beck, que já têm bastante material para a continuidade, segundo Gianopulos.

Se você não conferiu Um Lugar Silencioso, ainda dá tempo de ver no cinema, já que o longa-metragem permanece em algumas salas, apesar da bombástica estreia de Vingadores: Guerra Infinita, que vem lotando os cinemas do Brasil inteiro.

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.