Para um personagem que foi descartado depois de uma apresentação desastrosa em X-Men Origens: Wolverine, as notícias recentes sobre Deadpool não poderiam ser melhores.

Primeiro, o longa-metragem solo do personagem foi oficializado (graças ao excelente vídeo-teste que se tornou viral na internet) pela Twentieth Century Fox, com data de lançamento previsto para fevereiro de 2016.

Agora, o produtor e roteirista Simon Kinberg, que cuida do tratamento final de X-Men: Apocalypse, comentou sobre como Deadpool se encaixa no universo cinematográfico mutante.

Fonte da imagem: Divulgação/Marvel

Em uma entrevista exclusiva ao ComicBook.com, Kinberg confirmou que o filme fará parte de um universo cinematográfico compartilhado e em expansão dos mutantes, junto com os demais filmes dos X-Men: "Há definitivamente um plano geral, sobre o qual estamos conversando, para o universo cinematográfico dos X-Men, e Deadpool, obviamente, se encaixa nele”, revelou Kinberg.

O produtor e roteirista contou que essa ideia é inspirada em parte pelas narrativas dos quadrinhos e em parte pela própria Marvel – ao ver o que eles estão fazendo interligando todos os filmes, mesmo que eles funcionem de forma independente: “Esse é o tipo de pensamento que devemos trabalhar nos filmes dos X-Men na Fox”, afirmou Kinberg.

Inicialmente, o roteiro da aventura solo de Deadpool estaria dissociado do universo principal dos X-Men. A inclusão do personagem no plano geral da Fox permite possibilidades de crossovers entre essas e outras figuras mutantes (ou até mesmo com o novo Quarteto Fantástico, que está sob direito de uso do mesmo estúdio).

O que você acha da Fox planejar um universo cinematográfico mutante? Quais personagens você acha que merecem filmes próprios?