Depois do cancelamento de Ripper Street ao final da segunda temporada devido à baixa audiência, era de se imaginar que a série tivesse dado seu adeus final. No entanto, a Amazon resolveu salvar a produção através de um acordo com a BBC, o que garantiu um terceiro ano para a produção.

Fonte da imagem: Divulgação/BBC

De acordo com informações do Hollywood Reporter, a Amazon vai exibir a nova temporada através do seu serviço de streaming (o Amazon Prime Instant Video) antes mesmo da exibição na BBC One — que acontecerá cerca de dois meses depois.

Além disso, a Amazon será o único serviço no Reino Unidos no qual os pagantes poderão assistir às duas primeiras temporadas da atração (a primeira já está disponível).

Segundo a publicação, a decisão também levou em conta a atuante base de fãs que queriam o retorno da produção, inclusive colocando Ripper Street em primeiro em uma pesquisa britânica para escolher a melhor série de 2013.

Vale destacar que este não foi o primeiro acontecimento do gênero, já que o Netflix também já trouxe de volta não apenas Arrested Development, mas também salvou The Killing (duas vezes) do cancelamento. Pelo jeito, a briga entre os serviços de streaming está apenas começando!