Nesta última terça (30), foi anunciado, em conferência de imprensa no TCA (Television Critics Assosciation), que a emissora americana CW está trabalhando em cima da ideia de uma nova série centrada no super-herói Flash. O novo personagem será introduzido em Arrow, para possivelmente, na temporada de estreias seguinte, ganhar sua própria série. Durante a conferência, mais detalhes sobre como esse personagem aparecerá no mundo de Arrow foram revelados.

A introdução do Flash

Estátua em escala 1/10 do Flash. Fonte da imagem: Reprodução/Kotobukiya

Já está definido que o Dr. Barry Allen — um dos alteregos de Flash nos quadrinhos e o escolhido para representar o super-herói na CW — aparecerá nos episódios 8, 9 e 20 desta 2ª temporada de Arrow. Nos dois primeiros, veremos Barry em Starling City e, no 20º, teremos uma imersão no mundo de Allen e possivelmente conheceremos outros personagens que rodeiam o super-herói.

Todos os três episódios serão escritos pelos produtores-executivos de Arrow Greg Berlanti e Andrew Kreisberg, e o chefe do setor criativo da DC Entertainment, Geoff Johns. David Nutter será o diretor do 20º episódio desta temporada de Arrow, o qual servirá como um piloto da nova série. Ele dirigiu os pilotos de Arrow e Smallville, além do episódio do “casamento vermelho” de Game of Thrones.

O homem antes de ser o super-herói

“Estamos planejando uma história de origem”, revelou o presidente da CW, Mark Pedowitz. “Quando conhecemos Barry Allen pela primeira vez, ele é só um cientista forense trabalhando para o departamento de polícia de Central City”, o produtor Andrew Kreisberg contou aos jornalistas.

“Ele é apenas um cara comum quando o conhecemos. Como sempre fazemos em Arrow, estamos tentando manter isso o mais realista possível. É essa a maneira que Barry será apresentado aos telespectadores e o conheceremos melhor antes que a vida dele fique mais corrida”, revelou o produtor.

Superpoderes num mundo sem superpoderes

Fonte da imagem: Reprodução/The Comic Book Resource

Os fãs de Arrow já perceberam que a introdução de um personagem com superpoderes promete balançar o mundo realista da série do Arqueiro Verde, de onde essas habilidades foram excluídas. “Esses ‘poderes’ não serão tratados como lugar-comum na série”, promete Kreisberg. “Serão eventos extraordinários e o nosso mundo e os personagens nele vão reagir de acordo com isso”, prometeu.

“Fora o fato dele ter superpoderes, acho que há algo em Barry com que podemos nos identificar mais do que em todos os sete grandes [heróis] da Liga da Justiça”, disse o produtor. “Ele tem seus poderes por acidente. Ele não é um deus, ele não estava procurando isso. Isso veio até ele. Suas reações a isso são muito humanas e realistas”.

Barry x Oliver

“Será divertido ver esse dois personagens [Oliver e Barry] juntos, porque os dois têm visões distintamente diferentes do mundo, enquanto ambos se importam bastante com o certo e o errado”, compartilhou Kreisberg.

“Barry é um cara que é um policial, ele segue a lei e segue as regras, ele é a última coisa no mundo na qual você pensaria que seria um justiceiro”, Geoff Johns, da DC Entertainment, comentou.

O produtor Kreisberg ainda ressaltou que o novo personagem terá um profundo impacto na vida de Oliver, enquanto embarca numa missão de ser um herói e não somente um justiceiro.

Quem será o Flash?

John Wesley Shipp (Dawson's Creek) já viveu Barry Allen em uma série do começo dos anos 1990 na CBS. Fonte da imagem: Divulgação/CBS

Os produtores revelaram na conferência que estão começando a busca pelo ator que vai interpretar este novo e grande personagem. Mas alertam que não estão necessariamente procurando alguém conhecido: “Sou da velha guarda — a TV cria estrelas. Se tivermos alguém de nome, ótimo. Se não tivermos alguém de nome, ele vai se tornar alguém com um”, disse Kreisberg.

E você, o que está achando dos rumos que o spin-off de Arrow está tomando? Ansioso por conhecer o Flash?