O texto contém grandes revelações sobre o fim da temporada de Elementary! Você quer mesmo saber de uma grande surpresa, se ainda não viu o episódio?

O fim da temporada de Elementary (16/05 nos EUA) trouxe uma revelação chocante e totalmente inesperada sobre a identidade de Moriarty! Mas antes, vamos relembrar rapidamente o episódio da semana anterior, que passou em 9 de maio na TV americana.

Anteriormente em Elementary

Fonte da imagem: Divulgação/CBS

No episódio anterior, Sherlock foi levado por Moriarty até Irene Adler, o único amor de sua vida e quem ele achava que estar morta — e por conta dessa suposta morte ele terminou afundando em seu vício nas drogas antes do começo da série. A revelação de que Irene estava viva, por si só, já foi uma grande surpresa nesta reta final da temporada.

No fim da temporada, que contou com dois episódios seguidos, Sherlock tenta manter a abalada Irene a salvo, enquanto Watson trabalha para descobrir quem a sequestrou e torturou psicologicamente.

Quem é Moriarty

Fonte da imagem: Divulgação/CBS

A grande virada vem quando descobrimos que Irene, na verdade, é Moriarty! Isso mesmo: Adler, uma verdadeira artista-golpista, estava fingindo ser um homem chamado Moriaty. Tudo começou quando, no passado, ele estava interrompendo vários de seus meticulosos planos de assassinatos. Primeiro, ela pensou em matá-lo, mas então decidiu entrar na vida dele para estudar sua mente peculiar, fingindo ser a americana Irene Adler.

Por fim, ela terminou deixando-o viver, afinal Sherlock se mostrou não ser a ameaça que ela imaginava que ele seria — e quando percebeu isso, ela fingiu a própria morte nas mãos pelas mãos do terrível “Moriarty”. A morte levou Sherlock ao fundo do poço da dependência em heroína — uma fraqueza que prova, segundo Irene/Moriarty, que ela o venceu e que ela é superior a ele, no fim das contas.

E por que voltar para atormentá-lo? Ela diz que veio aos Estados Unidos ao saber de sua miraculosa recuperação. Mas, na verdade, Irene está ali por outros motivos e com novos planos criminosos de escala internacional. Quando Sherlock descobre todo o plano já é tarde.

A heroína vence no final

Fonte da imagem: Divulgação/CBS

Com todas essas surpresas e reviravoltas, o investigador volta ao seu vício na heroína, sofre uma overdose e é levado para o hospital. Irene vai visitá-lo no leito e pede para que ele fuja com ela.

Mas agora quem é surpreendida é a própria Moriarty: Sherlock armou toda a sua overdose, fazendo parecer que Irene havia ganhado dele mais uma vez. Mas, na verdade, ele terminou atraindo-a ao hospital para ser presa pela polícia.

E o troféu de melhor investigador vai para: Watson. Ela descobriu o X da questão: Moriarty/Irene caíram no erro de se apaixonarem um pelo outro — por isso, na verdade, ela não conseguiu matá-lo no passado — e foi Joan quem também armou todo o plano para pegar a criminosa no hospital. Por fim, Watson terminou sendo a heroína que salvou, e não destruiu, Sherlock!

E você, o que achou do fim de temporada de Elementary? Esperava por essas grandes surpresas?