Ao longo das últimas semanas, o site Deadline tem apresentado uma análise detalhada sobre os resultados comerciais dos vinte filmes mais lucrativos lançados no ano passado.

O estudo faz um levantamento mais complexo sobre os rendimentos das produções, seus custos de produção e distribuição e quanto efetivamente lucraram para seus estúdios.

Fonte das imagens: Divulgação/Warner, Fox, Universal

A lista tem algumas surpresas: afinal, o filme mais lucrativo de 2016 foi apenas a sexta maior bilheteria mundial do ano, e não os blockbusters da Marvel ou da DC! Isso se explica quando vemos os orçamentos e os gastos de marketing muitas vezes exorbitantes de produções como Rogue One, Capitão América: Guerra Civil e Batman vs Superman.

Abaixo, apresentamos uma versão simplificada dessa análise do Deadline, revelando os 20 filmes mais lucrativos do ano passado:

20. Um Espião e Meio

Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures

Orçamento: US$ 50 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 134 milhões
Custos totais: US$ 184 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 127,44 milhões
Bilheteria mundial: US$ 216,97 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 236 milhões*
(* este valor soma a arrecadação das bilheterias com acordos de revenda e desconta os gastos com aluguel das salas exibidoras)

Lucro líquido: US$ 52 milhões


19. O Homem nas Trevas

Fonte da imagem: Divulgação/Sony

Orçamento: US$ 10 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 104,50 milhões
Custos totais: US$ 114,50 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 89,21 milhões
Bilheteria mundial: US$ 157 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 173,60 milhões

Lucro líquido: US$ 59,10 milhões

18. La La Land – Cantando Estações

Fonte da imagem: Divulgação/Lionsgate

Orçamento: US$ 30 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 113,75 milhões
Custos totais: US$ 143,75 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 150 milhões
Bilheteria mundial: US$ 430 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 212 milhões

Lucro líquido: US$ 68,25 milhões

17. Angry Birds – O Filme

Fonte da imagem: Divulgação/Sony

Orçamento: US$ 73 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 151 milhões
Custos totais: US$ 224 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 107,51 milhões
Bilheteria mundial: US$ 349,78 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 296 milhões

Lucro líquido: US$ 72 milhões

16. Kung Fu Panda 3

Fonte da imagem: Divulgação/Fox

Orçamento: US$ 145 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 183,55 milhões
Custos totais: US$ 328,55 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 143,53 milhões
Bilheteria mundial: US$ 521,17 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 405,20 milhões

Lucro líquido: US$ 76,65 milhões

15. Estrelas Além do Tempo

Fonte da imagem: Divulgação/Fox

Orçamento: US$ 25 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 123,25 milhões
Custos totais: US$ 148,25 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 165,68 milhões
Bilheteria mundial: US$ 214,46 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 243,80 milhões

Lucro líquido: US$ 95,55 milhões

14. Invocação do Mal 2

Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures

Orçamento: US$ 40 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 143 milhões
Custos totais: US$ 183 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 102,47 milhões
Bilheteria mundial: US$ 320,27 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 281,30 milhões

Lucro líquido: US$ 98,30 milhões

13. Batman vs Superman: A Origem da Justiça

Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures

Orçamento: US$ 250 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 325,8 milhões
Custos totais: US$ 575,80 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 330,36 milhões
Bilheteria mundial: US$ 873,26 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 681,50 milhões

Lucro líquido: US$ 105,70 milhões

12. Moana – Um Mar de Aventuras

Fonte da imagem: Divulgação/Disney

Orçamento: US$ 150 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 224 milhões
Custos totais: US$ 374 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 247,65 milhões
Bilheteria mundial: US$ 600 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 495,30 milhões

Lucro líquido: US$ 121,30 milhões

11. Doutor Estranho

Fonte da imagem: Divulgação/Marvel Studios, Disney

Orçamento: US$ 165 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 238,95 milhões
Custos totais: US$ 403,95 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 232,64 milhões
Bilheteria mundial: US$ 677,55 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 526,60 milhões

Lucro líquido: US$ 122,65 milhões

10. Esquadrão Suicida

Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures

Orçamento: US$ 175 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 284,85 milhões
Custos totais: US$ 459,85 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 325,10 milhões
Bilheteria mundial: US$ 745,60 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 618,30 milhões

Lucro líquido: US$ 158,45 milhões

9. Animais Fantásticos e Onde Habitam

Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures

Orçamento: US$ 180 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 268,60 milhões
Custos totais: US$ 448,60 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 233,85 milhões
Bilheteria mundial: US$ 812,35 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 613,30 milhões

Lucro líquido: US$ 164,70 milhões

8. Capitão América: Guerra Civil

Fonte da imagem: Divulgação/Marvel Studios, Disney

Orçamento: US$ 250 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 381,70 milhões
Custos totais: US$ 631,70 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 408,10 milhões
Bilheteria mundial: US$ 1.153,30 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 825,10 milhões

Lucro líquido: US$ 193,40 milhões

7. Sing – Quem Canta Seus Males Espanta

Fonte da imagem: Divulgação/Universal Pictures

Orçamento: US$ 75 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 220,25 milhões
Custos totais: US$ 295,25 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 269,70 milhões
Bilheteria mundial: US$ 601,16 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 489,50 milhões

Lucro líquido: US$ 194,25 milhões

6. Mogli – O Menino Lobo

Fonte da imagem: Divulgação/Disney

Orçamento: US$ 175 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 285,65 milhões
Custos totais: US$ 460,65 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 364 milhões
Bilheteria mundial: US$ 966,55 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 718,80 milhões

Lucro líquido: US$ 258,15 milhões

5. Zootopia – Essa Cidade é o Bicho

Fonte da imagem: Divulgação/Disney

Orçamento: US$ 150 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 266,50 milhões
Custos totais: US$ 416,50 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 341,26 milhões
Bilheteria mundial: US$ 1.023,78 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 711,40 milhões

Lucro líquido: US$ 294,90 milhões


4. Procurando Dory

Fonte da imagem: Divulgação/Pixar, Disney

Orçamento: US$ 200 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 307,80 milhões
Custos totais: US$ 507,80 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 486,29 milhões
Bilheteria mundial: US$ 1.028,21 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 804,40 milhões

Lucro líquido: US$ 296,60 milhões

3. Rogue One: Uma História Star Wars

Fonte da imagem: Divulgação/Disney

Orçamento: US$ 200 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 315,90 milhões
Custos totais: US$ 515,90 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 531,39 milhões
Bilheteria mundial: US$ 1.055,19 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 835,50 milhões

Lucro líquido: US$ 319,60 milhões

2. Deadpool

Fonte da imagem: Divulgação/Fox

Orçamento: US$ 58 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 266,76 milhões
Custos totais: US$ 324,76 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 363,07 milhões
Bilheteria mundial: US$ 783,11 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 647 milhões

Lucro líquido: US$ 322,24 milhões

1. Pets – A Vida Secreta dos Bichos

Fonte da imagem: Divulgação/Universal

Orçamento: US$ 75 milhões
Custos de distribuição e marketing: US$ 241,95 milhões
Custos totais: US$ 316,95 milhões

Bilheteria nos EUA: US$ 363,38 milhões
Bilheteria mundial: US$ 875,46 milhões
Bilheteria final com revendas e aluguel de salas: US$ 691,60 milhões

Lucro líquido: US$ 374,65 milhões